Blogando com Alma... Ainda.

Viajando no Tempo: Meus 7 Links

Conforme prometi no post Um Desafio Divertido – 7 Links, aqui estão meus 7 links.

1 – Meu Primeiro Post

Meu primeiro post

Na verdade, eu tenho 2 “primeiro post”. 😛 Sério. O primeiro post ever deste blog foi publicado em Junho de 2006, se chama “Bem Vindos!” e tem como texto o seguinte:

Que comecem os jogos!

Esse post bem poderia ter como título “Teste”, pois foi só isso: um teste. Por quê ele não foi deletado, só a Deusa sabe. 😛 Minutos depois, publiquei o verdadeiro primeiro post do blog: “Apresentando o Blog“.

Nesse post você pode ver claramente como e por quê este blog nasceu – e o quanto ele evoluiu e mudou desde então.

Uma coisa BEM engraçada (lendo hoje), é este parágrafo:

Inclusive há (nos blogs/sites em Inglês) um grande problema com a popularidade do sistema (o Adsense), que gerou uma onda de “espertinhos” que jogam sujo para ganhar dinheiro. Nós ainda estamos longe disso – por ora.

Engraçado porque “nós” – os blogs em Português – já chegamos lá, igualando e até ultrapassando a esperteza de nossos colegas anglos. Pitonisa, eu? 😛

2 – O post que mais gostei de escrever

Porque Eu Gosto de Blogs - Uma História

Porque Eu Gosto de Blogs – Uma História

Esse post conta minha história. É o post mais pessoal que já publiquei neste blog (e possivelmente, em qualquer blog).

É um texto onde voltei ao que é meu amor primeiro na escrita, a prosa poética.

E é um texto onde você pode entrever minha alma, quase sem reservas.

3 – Um post que deu origem à um excelente debate

Xeque-Mate, Blogosfera

Xeque-Mate, Blogosfera

Ok, vou ser apedrejada (de novo) por ter colocado uma letra dos Engenheiros no post, but who cares? Ele rendeu excelentes e longos comentários, tanto concordando quanto discordando da minha crítica.

E rendeu até um segundo post – Todas as Generalizações São Idiotas, e Todas as Generalizações Têm Exceções.

Esses textos foram escritos há quase exatos 2 anos. E infelizmente, continuam muito atuais.

4 – Um post que eu gostaria de ter escrito

A panela existe mas a tampa está abertaAo longo destes 4 anos de blog, li muitos, muitos textos que me causaram o famoso “Putz, eu queria ter escrito isso!”. Nada fácil escolher um, entre tantos.

Afinal, escolhi um dos primeiros posts que li quando descobri que a blogosfera existia, e provavelmente o primeiro que me fez pensar “PQP!! Eu queria ter escrito isso!!“:

A Panela Existe Mas a Tampa Está Aberta

Yeps, é um post do Cardoso. Publicado em Julho de 2006, é um post do qual lembro com frequência até hoje; é um post do qual jamais esqueci. E é um post que continua pertinente até hoje.

5 – O meu post mais útil

Bê-a-Blog - Download Grátis - Blogs Pelados e Sem Roupa, De Grátis Bê-a-Blog – Download Grátis – Blogs Pelados e Sem Roupa, De Grátis!

Sem dúvida nenhuma, o post mais útil ever publicado neste blog é o post onde eu apresentei o Bê-a-Blog. O post conta com mais de 150 comentários, e a cartilha já foi baixada quase 5.000 vezes. 0.o

6 – Um post com um título do qual estou orgulhosa

A Banalização das CoisasA Banalização das Coisas

Eu gosto muito desse post, e desse título.

Estou orgulhosa desse título porque ele transmite bem a profundidade dos questionamentos do texto.

Que não foram realmente respondidos até hoje, diga-se.

7 – Um post que eu gostaria que tivesse sido lido por mais pessoas

Que Tipo de Blogueiro Você é? Aqui vou listar uma série de 5 posts, que começou com Todas as Escolhas Vêm Com Um Preço.

Essa pequena série questiona “Que Tipo de Blogueiro Você é?” e termina com uma reflexão sobre o papel de cada um nesse todo que chamamos de Blogosfera.

Eu gostaria que mais pessoas tivessem lido esses posts porque se mais pessoas tivessem consciência do seu papel no grupo, se mais pessoas se preocupassem com como suas ações afetam o todo, isso que nós chamamos de Blogosfera/Efigênia seria um lugar bem mais produtivo.

Utopia, eu sei.
_______________________________

Aí estão meus 7 links. Foi uma viagem bacana, embora ver como alguns desses textos e questionamentos continuam pertinentes seja preocupante – pra dizer o mínimo.

E você? Já fez sua viagem? Deixe seu link nos comentários! 🙂

Nospheratt, pensando na vida

Nospheratt

Quando eu cheguei (2006 - primeira era jurássica da Efigênia), isso aqui tudo ainda era mato.

Previous

Era Uma Vez Uma Cópia Imaginária

Next

4 Anos, 400 Posts

7 Comments

  1. Entrei na brincadeira. Tá aqui.
    Agora vou ler os seus. 🙂

    Beijos,
    Rita

  2. Oi, precisei republicar meu post, por problemas na formatação. Aqui está o novo link: https://migre.me/11g42

    Abraços!
    Rita

  3. Confesso que me deu muita vontade de fazer esse desafio. Adoro desafios.
    Só não sei se encontrarei todos os itens no meu blog. =/
    Beijos, Nosphie.

  4. Nossa, eu me lembro de quase todos (inclusive do que você gostaria de ter escrito)! Lembro nitidamente do “Por que gosto de blogs”, que achei tocante à época e, relendo agora, percebi-o ainda mais comovente. 🙂

  5. Desafio extremamente difícil. Praticamente uma auto-análise!

    Depois de alguem tempo queimando miolos, aqui está: https://wp.me/p5CRq-1×4

    Ao menos ficou bem verdadeiro

  6. Olá Nosph..sou um leitor do seu blog há muito tempo e lembro que quando comecei a blogar aprendi muito no Bê-a-Blog, embora não saiba ainda a fórmula do sucesso na arte de blogar, fico muito satisfeito em estar aqui falando isto. Lembro-me que iniciei meu blog no wordpress e era limitado, muito limitado, aos poucos fui lendo sobre blogger e acabei me rendendo e transferindo o blog para essa plataforma. Através dos seus textos e links aprendi tanto que passei a criar blogs para empresas, hoje mantenho 3 blogs de empresas da minha cidade e ganhei valores que não imaginava na produção dos mesmos e ainda ganho na manutenção. Enfim sou grato por tudo que prendi aqui e não poderia deixar de parabenizá-la por esses quatro anos de blosque. Parabéns.

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén|Social Icons by Freepik