Blogando com Alma... Ainda.

Está Começando Um Blog? Descubra O Que Você Não Deve Fazer.

Acabaram-se as desculpas. Se você ainda não sabia, aprenda agora o que não deve fazer, em hipótese alguma!

1 – Não copie conteúdo

Não CopieO ideal é não copiar conteúdo, ponto.

Publicar conteúdo copiado é prejudicial para o seu blog (além de ser prejudicial para o blog/site copiado), porque:

  • Seu conteúdo vai ser considerado como “conteúdo duplicado” pelos motores de busca (Google, Yahoo, etc.), o que significa que você receberá menos visitas vindas deles;
  • Poucas pessoas vão se interessar em ler seu blog, afinal, podem ler as mesmas coisas onde foram publicadas originalmente – e em um monte de outros blogs que copiaram a mesma coisa que você;
  • Dificilmente seu blog se tornará popular e conhecido, pela mesma razão citada no ponto anterior.
  • Se você não for cuidadoso, poderá incorrer em violação de direitos autorais, o que é crime tipificado no código penal.

Existem outros motivos, mas esses 4 deveriam ser suficientes para lhe convencer de que publicar conteúdo copiado não é uma boa idéia.

Caso não tenha se convencido, pelo menos copie do jeito certo. Quando quiser copiar um texto, procure no blog/site original pela licença do conteúdo. Ela pode ser de dois tipos:

  1. Copyright – Se diz “Copyright” ou “Todos os direitos reservados” em algum lugar do blog, mesmo que seja no rodapé, não copie. Caso o fizer, estará cometendo um crime. É sério!
  2. Creative Commons – Veja aqui tudo sobre Creative Commons (CC). Os blogs e sites que usam esta licença geralmente exibem um selinho que os identifica. O Creative Commons tem várias licenças, e todas elas autorizam a cópia, DESDE QUE se credite o autor. Algumas, além de exigir o crédito, não permitem publicar o conteúdo em sites com fins de lucro – que usem Adsense, por exemplo. Leia a licença de cada site, e certifique-se de cumprir as regras estabelecidas nela.

E se não há informação sobre a licença?

Caso não diga nenhuma das coisas que citei acima, não copie. O mais provável é que a pessoa não permita reprodução de conteúdo. Caso queira muito copiar o texto, entre em contato com o autor e PEÇA LICENÇA para reproduzir seu conteúdo.

E se ele não der licença, NÃO COPIE.

2 – Não esconda os créditos

Não esconda os créditosO fato de que você credite o autor não lhe dá direito de copiar.

O que lhe dá licença para copiar é o autor – ele decide. É um direito garantido por lei.

Crédito é um link clicável, apontando para o post original – não para a home do blog de onde você retirou o texto.

Crédito não deve dizer “Fonte: Lugar de onde você retirou o texto“. Fonte é o que se usa para pesquisar, não uma coisa que se copia. Coloque “Autor”, em vez de “Fonte”. É mais honesto, e é o correto.

O crédito deve estar no início do texto, logo abaixo do título. E deve aparecer no mesmo tamanho que o resto do texto – usar uma fonte minúscula no crédito, para que ninguém veja que o texto foi escrito por outra pessoa é muita filhadaputice.

3 – Não assuma autoria de um texto que não é seu

Diga Não ao PlágioIsso se chama plágio, e também é crime previsto no código penal. Se você copiou um texto, CREDITE. Coloque o nome do autor e um link para a página exata de onde você copiou.

Mesmo que você não diga “Eu escrevi este texto”, se não incluir créditos (nos moldes citados acima) está dando a entender que você é o autor – ou seja, plagiando uma pessoa que gastou tempo, esforço e talento em escrever algo.

De novo, é muita filhadaputice.

Além disso, nenhuma pessoa que tenha um pingo de decência e bom senso vai fazer de conta que criou algo que não criou, não é mesmo?

4 – Não peça links, nem visitas nem “uma força”

Não seja MendigoPedir e mendigar é patético, e não traz resultado algum. Já falei disso à exaustão, e muitas outras pessoas também. Leia:

5 – Não faça hotlink

Não Faça HotlinkHotlink é o que você faz quando você linka uma imagem que esta hospedada em outro blog, de modo que ela apareça no seu blog.

Isso é errado, pois consome banda que o dono do outro blog tem que pagar. Você faz hotlink, e a outra pessoa paga um custo. Você está roubando banda, e repito: isso é errado!

O correto é copiar a imagem para o seu PC, e fazer upload dela para o lugar onde você guarda suas imagens – por exemplo, na sua conta do Blogger, ou em um serviço grátis de hospedagem de imagens.

Ao fazer hotlink, você se arrisca a que o dono da imagem a troque por outra, e você nunca sabe o que pode aparecer no seu blog – ele pode colocar uma imagem pornográfica, por exemplo. Então, guarde as imagens no seu espaço.

6 – Não escreva errado

Não Assassine o PortuguêsNão escreva com abreviações – pq, vc, msm, e coisas assim.

Não escreva em miguxês; naum ixcreva axim.

Use acentuação – não escreva neh, eh.

Não encha seu texto de palavras como “bróder”, “mermão”, “pow”, “véi”, e “falow”. De ser possível, não use nenhuma palavra desse tipo.

Escreva em português correto, puro e simples.

E use um corretor ortográfico – ele corrige não só a gramática, mas erros de digitação.

Por que é tão importante escrever direito? Porque escrever errado é uma excelente estratégia para afugentar visitantes e leitores, para não ser levado a sério, e para jamais ter um blog bacana e conhecido.

7 – Não faça spam

Não Faça SPAMNão mande emails dizendo “Visite meu blog” e coisas do gênero.

Nem para listas de contatos, nem listas de discussão, nem para lugar nenhum.

Email não solicitado é SPAM – e ninguém pediu para receber email pedindo visitas pro seu blog, não é?

A melhor explicação sobre a forma correta de fazer divulgação do seu blog foi dada pelo meu amigo Daniel Becher, numa discussão na Lista Blogosfera. Veja só:

Chegar nas listas e dizer que você tem um blogue sobre aquilo vale apenas na sua apresentação, onde você não vai mandar uma mensagem única e exclusivamente dizendo “visite o meu blog”, acredito, e sim dizendo quem você é, o que faz, os seus gostos etc. De outra forma, vai parecer inconveniente.

E, claro, isso é o que eu acho. Primeiro porque é a forma natural de acontecer. Da mesma forma que você não chega numa gatinha dizendo: “Olá, meu pinto é grande!” e sim “Oi, eu sou o Fulano, blá blá blá” e as suas sobresçalências pubianas ficam pra um momento mais oportuno (relevância).

E segundo porque os “grandes” fazem isso, pois já nasceram grandes, independente de quanto ganham ou visitas que recebam (palavras do Cardoso).

Essas palavras se aplicam a email, comentários, e qualquer outro tipo de divulgação que você for fazer. Não “empurre” as coisas para as pessoas. Só fale do seu blog quando for adequado, nos lugares adequados. Não saia mostrando o pinto! 😛

Também não faça comentários spam – comentários que dizem “Visite meu blog”, comentários que não acrescentam nada, não comentam nada, e só são deixados com o intuito de receber vistas. Quando for comentar, COMENTE – diga algo relevante ou interessante sobre o post, opine.

Não coloque sua url no corpo do comentário, nem assine seus comentários. Nome e endereço do blog devem ir somente nos campos do formulário que servem, veja você, para colocar seu nome e endereço.

No campo “Nome”, coloque seu nome ou seu nick, não o nome do seu blog nem palavras chave, ou qualquer outra estupidez dessas.

Errar é humano

Começar é fácil, continuar é difícil.

Começar é fácil, continuar é difícil.

E e todo mundo erra – principalmente quando está começando. No entanto, se você leu este post, já pode evitar os erros listados.

Claro que existem muitos outros erros que os novatos (e não tão novatos) cometem. Para evitá-los, leia bons blogs que ensinam a blogar. Aqui vão algumas sugestões:

Leia esses blogs, e garanto que não cometerá erros! Pelo menos, não muitos! 😉

Images: Symbols by Boroda003 | Photo by Brett Jordan – Cc By.

Originalmente publicado em 2008/06/27.

Nospheratt, pensando na vida

Nospheratt

Quando eu cheguei (2006 - primeira era jurássica da Efigênia), isso aqui tudo ainda era mato.

Previous

A Menina e os Blogs – Uma História

Next

Comece.

225 Comments

  1. Grande, Nosphie! lindo texto. vou mandar lá na blogosfera pra ver se os menos experientes se ligam 😛
    mais: hoje deletei um comentário que considerei spam meio na dúvida. Pela sua definição, sem dúvida nenhuma. A gente tem grandes diferenças, nesta área.

    Eu relevo alguns conhecidos mandando spam, enquanto não tolero gente que não conheço entulhando minha caixa de entrada. é coisa de jornalista eu acho, porque somos vítimas de spam o tempo todo nas redações. Ninguém pede pra receber release de empresa, mas eles vêm e isso faz parte do ofício.

    No blog eu uso esta regra: quando a informação é relevante, eu até deixo os spammers dos infernos me atormentarem na caixa postal.
    Em tempo: isso não é um post, é uma aula inaugural de curso!

  2. Uma vez fui colocar um hotlink de uma imagem e mudaram para uma pornográfica. Só fui reparar dois dias depois. Após esse episódio nunca mais. Quanto a roubo de conteúdo nunca cheguei a fazer, mas já tive problemas com gente que roubou o meu.
    Não ligo para que copiem meus posts, desde que linkem, e que o blog seja sério e acrescente alguma coisa ao que Eu disse!

  3. Começar da maneira certa é um bom passo para o sucesso. Creio que todos os blogueiros já conhecem bem essas ‘regras’, mas relembrá-las nunca é demais, ainda mais para quem é novo no meio.

  4. Oi, que alivio!!
    Eu nunca pedi link para ninguém, no máximo, tento comentar o assunto, no lugar apropriado deixo meu nome, email correto e url, :).

    Mas cometo um erro dessa sua lista:
    O tal do “Hotlink”, até há alguns meses, eu fazia certo, copiava para meu computador, faço upload, depois, em baixo eu citava de onde eu peguei a imagem.
    Porém, eu vi num blog que se usarmos imagens de outros servidores, deixa o blog da gente mais leve, menos sobrecarregado, foi por isso que deixei de fazer.
    E agora
    Quanto ao Português, eu tento, mas sei que é impossível escrever perfeito. Eu não uso abreviações, no mais, passo o corretor ortográfico, porém sempre há de passar um erro. 🙁

  5. Sensacional Nospheratt!!
    Tomei a liberdade de compartilhar esse post no Dihitt. É de vital importância que essa aula corra a net.
    Felizmente muitos dos que cometem tais gafes acabam aceitando os conselhos e modificando sua conduta. Tem muita gente legal que quer mesmo aprender.
    Já outros, mesmo com tantos esclarecimentos preferem se limitar ao amadorismo e de quebra serem odiados e desprezados pela classe.
    Uns e outros. Como tem.

    Beijo querida e obrigada pelo link! Super honra pra mim! 🙂

  6. Muito interessante essa matéria! Autoria deve ser preservada. Internet, mesmo que pareça, não é carnval onde ninguém é de ninguém.
    Abraços

  7. Ótimo post, vai ajudar a todos novatos e experientes, vai mantermos sempre em ótima convivência…

  8. Falou tudo!
    No primeiro post do meu blog eu falo rapidamente sobre isso, acho que originalidade é o mínimo pra se ter um blog…
    Citei a matéria do Homer da “Feed-se”, mas com todos dos lnks lá, bonitinho, conforme manda o figurino. se eu gostei tanto, o mínimo que eu devo fazer é creditar a pessoa certa, right?
    bjs

  9. Falou a xerifa. Obedeçam!

    =P

  10. Aliás, o Blosque hoje estava fora do ar, ou foi minha internet que está bixada?

  11. Nospheratt, a catequizadora!

    []’s
    Compulsivo

    P.S. Agora que você já leu o artigo da Nospheratt, veja onde ela se inspirou

  12. Depois de ler todo esse artigo…acho que me encontro em uma situação dificil, adoro informática e falar disso. Queria fazer um blog de dicas mais ja percebi que existem muitos e todos eles parecem copias porque o assunto é sempre o mesmo como é que alguém pode alegar que esta sendo plagiado.

  13. Olá Nospheratt,
    seu site é ótimo e aprendi algumas coisas lendo este texto. Não vou cometer a gaffe de perguntar se posso lincar, mas vou lincá-lo. Muita gente, (inclusive eu) não sabe essas regras básicas e a informação é a melhor arma contra a ignorância!
    Um forte abraço e parabéns pelo projeto.

  14. oi eu quero saber como eu excluo uma foto

  15. Lucia: Nossa, fia, menos, que assim eu fico encabulada! 🙂

    É, cada vez mais, tem spam que não é pego pelos filtros – spam “humanizado”, digamos. Eu deleto sem dó. Se for conhecido ou amigo, eu tasco: “Pô, fulano, fazendo spam?!” 😛

    FiliPêra: Muita gente se lasca com o hotlink. Acontece que mesmo fazendo por ignorância, prejudica o outro.

    O problema é que quem copia geralmente não faz nenhuma dessas coisas que você listou.

    Henrique: Está enganado, meu amigo. A maioria dos blogueiros não sabe nada disso, porque nunca se preocupou com fazer as coisas direito. Os blogueiros que sabem e seguem essas regras são o topo da pirâmide, infelizmente.

    Iara: Você pode colocar imagens em serviços gratuitos de hospedagem de imagens, como o Photobucket (que é o que eu uso). Mas não faça hotlink de imagens de outros sites e blogs, em hipótese nenhuma.

    Escrever perfeito é impossível, mesmo. O importante é cuidar, como você faz – isso reduz os erros ao mínimo dos mínimos. 😉

    Ester: Muuuito obrigada! Eu espero mesmo que esse post viaje bastante, pois ele foi feito com o intuito de ajudar a melhorar a efigênia, nem que seja um pouquinho.

    E honra é ter a senhoura por aqui, dona Ester! 🙂

    Conectanet: Obrigada.

    Tiago: Tomara! 🙂

    Wallace: Bom, devo dizer que só créditos não é suficiente em todos os casos. Créditos são suficientes quando o autor permite a cópia – preste atenção nisso.

    No caso do texto da Feed-se eu não reclamei porque não é exatamente de minha autoria – eu só coletei e traduzi as frases. Se fosse um texto meu de verdade, eu não teria gostado que você o reproduzisse na íntegra, mesmo com créditos – porque eu uso copyright, não CC nem copyleft. Deu pra sentir a diferença? 😉

    Fábio: 🙂 Sim, como você já deve saber, o Blosque esteve fora do ar. Graças a São Janio, estamos de volta! 😀

    Compulsivo: Ahahahahaha

    PS – Eu não tinha visto esse post seu antes de você colocar o link aqui. Se eu tivesse me inspirado em alguma coisa, eu teria creditado no post. 😉

    Anderson: Bem, se você escreveu um texto original e alguém copiou e assumiu a autoria, está te plagiando. Não importa qual for o assunto.

    Hélio: Muito obrigada! A intenção é essa, ajudar a difundir essas “regras” – que na verdade são boas práticas, mais que nada. Obrigada por ajudar nessa batalha! 🙂

    Bruno: Leia os textos antes de deixar comentários – você terá mais chances de conseguir saber o que precisa.

  16. Carlos Hakme

    Olá, muito interessante o post. Estou planejando escrever um blog e já vai me ajudar. Agora tenho algumas dúvidas:

    1 – Você disse pro @Wallace (comment acima) que se o texto fosse seu (do feed-se) não gostaria que fosse reproduzido na íntegra mesmo com os créditos. Agora Seria correto ele, linkando, e mencionar trechos apenas e não na integra ?? Você acredita que ainda sim haveria problemas ?? Pois muitas vezes achamos interessante o que é postado em um site/blog e queremos reproduzir partes, mesmo que apenas em comentários, ou pequenos trechos apenas para o leitor entender o que queremos falar (e pq nos referenciamos ao blog “source”).
    2 – Acredito que o que o @anderson quiz dizer é: Hoje existem muitos blogs (acho que a grande maioria) que falam sobre Tecnologia, e a maior parte do que é escrito é igual pois é o mesmo assunto. Lógico que tem a opinião do autor. Porém o tema, assunto, que seja, é o mesmo. Isto realmente pode ser levantado como um plágio por algumas pessoas. Pois duas pessoas conseguem escrever de uma forma diferente o mesmo assunto, mas centenas de pessoas, não vão conseguir diferenciar tanto a forma como é escrita a noticia.
    3 – No caso de reprodução de músicas em podcasts, isto é ilegal ? Mesmo que sejam trechos curtos ?? Sei que se você pagar uma taxa anual para uma “entidade” você pode reproduzir integralmente, o que não é meu caso.
    Abraços
    Carlos Hakme

  17. Parabéns pelo blog e, especificamente, por este texto.

    A internet será um lugar muito mais feliz quando algumas “regras” de convivência forem melhor observadas… e nisso você presta um excelente serviço a todos nós.

    Até breve, pois seu blog definitivamente é um bom lugar de se visitar.

  18. Devorei este post do início ao fim, e, confesso, foi como levar um sermão danado… ou melhor, uma baita surra. Como é chato ser iniciante!!! Mas, por outro lado, como é bom encontrar ensinamentos como este. Obrigado.

  19. Ola a todos,

    Nosph td bem?

    Comentando teu post:

    Adorei a parte do “… Da mesma forma que você não chega numa gatinha dizendo: “Olá, meu pinto é grande!” e sim “Oi, eu sou o Fulano, blá blá blá” e as suas sobresçalências pubianas ficam pra um momento mais oportuno (relevância).” Palavras sábias … O Daniel Becher esteve muito bem.

    Também quero agradecer pelo teu post, é uma referência na blogosfera sobre quais os cuidados a ter com seu blog. Fabio Buchecha, tem razão, Nosph você é a nossa “cherifa” e o que a cherifa manda fazer os seus subordinados seguem à risca …

    Para termos sucesso com um blog, devemos colocar nossos leitores lá bem no alto, andar com eles ao colo, responder a todos os comentários, por mais absurdos que possam ser. Pode estar ali a dúvida de muitos, e você ao responder com a maior disponibilidade e vontade em ajudar, ao mesmo tempo está esclarecendo a duvida de muitos deles e mostrando a todos os que a visitam que podem contar com alguém do outro lado, alguém que está sempre disponivel para ajudar … para apoiar.

    O escrever direito (coisa que vocês brasileiros pecam pelo uso do calão) é um factor muito importante. Também não gosto nada quando voces (sim Nosph, também estás no grupo) escrevem na palavra “fi lhadapu tice” ou outras asneiras, apenas para criar polémica. Gera polémica e algumas visitas a curto prazo, mas a longo prazo vai denegrindo o blog e aos poucos afastando seus leitores e quebrando sua fidelização. Escrever asneiras é uma falta de nível. Nosph, você tem mais classe que isso mulher, isso é coisa para o Janio e outros. Por favor, não segue esse caminho … distancie-se dessa turma, você está noutro nivel amiga e colega.

    Outra coisa muito importante é tratar seus leitores de igual para igual ao invés do relacionamento nerds pa tecs, ou probloggers pa bloggers. Essa é que é a chave para o sucesso. Tudo o resto é um processo de tentativa e erro e aprendizagem pelo caminho.

    Prevalecem os mais persistentes e os que se preocupam mais com ajudar seus leitores ao invès de “escrever para seu umbigo” como fazem certos probloggers quando atingem certo estatuto, mas que depressa sobrevivem apenas à custa da controvérsia criada em torno dos seus posts malcriados, chauvinistas e de baixo nível.

    Para mim o “trato” com os seus leitores é que é o factor mais importante no sucesso dum blog, tudo o resto vem por acrescimo. Isso é que é a diferença entre um problogger de sucesso e um blogger mediano.

    Também é importante preocupar-se em fidelizar seus feed readers, pois no futuro (se é que já não é) o valor do blog é calculado pelo numero de readers.

    Para acabar, penso que no futuro, vão vingar os bloggers que convidarem outros a postar (guest posts) no seu blog, acrescentando novas ideias à discussão, outros pontos de vista, afinal é disso que se trata a blogosfera, não?

    Bem por agora chega, senão daqui a pouco estou fazendo novo post e não tenho autorização da “dona” para isso.

    Abraços a todos os leitores do blosque.com, e bjinhos pra ti Nosph, “colega” e acima de tudo, amiga.

  20. Carlos Hakme: 1 – Citar trechos, incluindo um link para a fonte, é uma excelente prática. Eu escrevi mais sobre isso aqui:
    Cópias na Internet: Nem Tudo é Plágio

    2 – Plágio é assumir a autoria do trabalho de outra pessoa. Ponto. Se você escreve seus própios textos, sem copiar, não existe plágio. Também trato disso no artigo que acabo de linkar aqui.

    3 – Não sei se isso seria ilegal. Você terá que perguntar a alguém mais entendido, ou procurar a legislação que existe a respeito – não sei nada de podcasts. 🙂

    Caio: Muito obrigada, e volte sempre! 🙂

    Carlos Romero: Bem, eu escrevo estas coisas exatamente para quem está começando, e tenho o intuito de ajudar. É sempre bom saber que atingi meu objetivo, obrigada! 🙂

    Artur: Eu não escrevo nada para gerar polêmica. Eu escrevo o que acho que tenho que escrever. As palavras como “filhadaputice” aparecem no meu texto porque fazem parte do meu vocabulário. Seja para expressar minha raiva, ou porque acho engraçado, ou pelo motivo que seja, as uso quando tenho vontade. E vou continuar usando.

    E isso não afeta a classe que como você bem disse, eu tenho de sobra.

    E só pra você saber, “o Janio e outros”, “essa turma”, são pessoas que eu admiro e respeito. O Janio, e outros, são pessoas com quem eu converso diariamente, com quem tenho projetos em comum, com quem trabalho e me divirto. O Janio, e outros, são meus AMIGOS.

    É a segunda vez (que eu me lembre) que você deixa aqui um comentário despectivo sobre o Janio. Vou lhe pedir que não faça mais isso – o próximo comentário que você deixar aqui, falando sobre ele, vai pra lixeira. Você tem o direito de não gostar de quem melhor lhe aprouver, mas faça-o longe dos meus comentários.

  21. Nosph,

    OK. Foi a ultima vez. Vou ter isso em conta na proxima vez que comentar. Posso comentar teus posts?

    Bjs

  22. kakakakakaka.. jura que vou fazer essas babaquices

  23. Então dá o fora daqui seu retardado.

  24. Redundante dizer que seus textos são ótimos, e que suas dicas são muito úteis, estou adorando, a não ser por alguns termos que ainda desconheço…rsrs Mas aos poucos vou me familiarizando.
    Gostaria de uma opinião sobre uma situação que vivi hoje e acho que cabe bem no último ítem deste post.
    Tenho recebido muitos trabalhos, poemas e crônicas, de pessoas que não conheço e de quem não recebi visitas em meus blogs, através do meu email. Porém, incomoda-me demais receber os trabalhos, sem uma apresentação da pessoa, sem que ao menos me diga quem é e como chegou até mim, por isso sempre respondo agradecendo e questionando sobre isso. Hoje recebi um destes. Um texto imenso,numa arte grande e com uma imagem bem sensual.
    Já achei desagradável pelo fato de tratar-se de alguém que não me conhece e não sabe nada a meu respeito. Respondi com as perguntas que costumo fazer sempre: quem é você e como chegou até mim.
    Recebi a resposta toda escrita em caixa alta, com um currículo imenso praticamente esfregado na minha cara, e dizendo que meu email fora indicado por uma amiga “minha” que pediu para não ser identificada.
    Insisti em saber de quem se tratava, deixando claro que não gosto que divulguem meu email sem falar comigo, e que seria uma atitude estranha vinda de uma amiga e fui taxada de grosseira. E ainda tive que ler uma porção de desaforos. Vindos de alguém que se diz um escritor de renome, respeitado e reconhecido dentro e fora do páis.
    Nospheratt, perdoe-me por me estender tanto na narrativa, mas estou entalada com o acontecido. Queria muito ler a opinião de alguém que esteja de fora, que não me conheça, mas que possa falar sobre ética e respeitabilidade dentro deste universo que é a internet, e dentro do contexto que descrevi aqui.
    Obrigada.

  25. Artur: Sim, pode.

    Idiota: Perfeito seu nick.

    Fábio: Ahahahahaaha Eu ri muito quando vi seu comentário. Valeu, amigo! 😀

    Moniquinha: Bem, eu fiquei curiosa para saber porque você recebe essas coisas – você é editora, tem um blog que publica textos de outras pessoas, ou…?

    Mas, seja como for, a atitude que você descreve mostra uma falta de educação, de noção e de respeito sem tamanho. Além disso, pra mim, correio não solicitado é spam.

    Emails desse tipo, eu deleto na hora – ainda mais se estiver cheio de grosserias. E esqueço o assunto. A web está cheia de imbecis, se você for se preocupar com eles vai pirar. Delete tudo e ignore esse ser daqui pra frente, é o melhor que você pode fazer. 🙂

  26. Oi Nospheratt! Editora eu? Quem me dera! rsrs
    Mas tenho no site orkut uma comunidade de escritores, o Café das letras, e o Blog do Café é uma extensão da comunidade, onde postamos o resultado do nosso trabalho. A participação no blog é vinculada à participação na comunidade, mas alguns desavisados não entendem isso e buscam um lugar pra postarem seus trabalhos. Comodismo, na minha opinião. Já coloquei uma pequena descrição do blog, deixando claro como funciona. Vamos ver se muda.
    Quem me envia poemas e textos e me pede pra postar, em geral eu indico a comunidade. Mas gosto de saber quem é, e como chegou até mim, acho que é o mínimo.
    Não envio meus trabalhos à ninguém, no máximo quando há interesse, disponibilizo os links de onde eu publico. Mas…algumas pessoas insistem em empurrar seus trabalhos “guela abaixo” não é?
    As pessoas falam em liberdade de expressão, mas não respeitam a liberdade de escolha, o que é lamentável.
    Bem, te agradeço a resposta e a sugestão…embora, esperar que uma leonina ignore quando lhe pisam no calo, seja quase uma utopia. rsrs
    Mas vou tentar não me estressar mais com isso.
    Obrigada, e parabéns pelos teus artigos. São de grande ajuda.
    Abraços!

  27. Ola a todos,

    @ Nosph, obrigado pela oportunidade. Queria chamar a atenção e acabei fazendo burrada … de novo. Pelo menos aprendi aprendi mais alguma coisa lendo seus posts e comentários: “Não fale dos outros …” e “Cuidado com o que vai escrever nos comentários!!” pois podemos ferir algumas susceptibilidades.

    @ Fabio, mereci essa … colega. Na boa!!

    Grande abraço Nosph para ti e para todos os teus leitores.

    Artur

  28. Artur,

    relaxa.

    Só não dá outro vacilo desse 🙂

  29. Moniquinha: Nossa, eu sei exatamente como deve ser isso. É bem o que você diz: muita gente só quer se aproveitar do espaço que vocês têm; e tem muita gente que não entende que a sua liberdade termina onde começa a do outro. Liberdade de expressão não significa liberdade de ser publicado no espaço da comunidade, oras.

    E se você é leonina, pense isto, quando lhe chegar uma baboseira deste esilo: “Este ser não me merece nem sequer uma migalha da minha atenção. Tenho coisas melhores, mais interessante e produtivas para fazer e com as quais me preocupar”. 😉

    Artur: Tudo bem, tudo bem. Águas passadas não movem moinho, e barco parado não ganha frete. Bola pra frente! 😉

    Fábio: Tudo bem? Como vai a família? E o trabalho? (Tenho que dizer alguma coisa, pois eu respondo TODOS os comentarios, sacoé… 😛 )

  30. Ola Nosph,

    Ufa .. cheguei a pensar que, agora vinham todos os teus leitores para cima de mim … salvo seja.

    É bom saber que o teu blog, além de ser uma fonte de: informação valiosa, inspiração, dicas, conselhos, maneiras de ser e de estar; é também, um optimo sitio para o debate de: pontos de vista, conceitos e alguns preconceitos; sem pena de ser visto como um ataque pessoal.

    Gosto de poder me expressar sem recear algum rancor da parte dos outros. É reconfortante, e liberta-me de alguma forma para ser mais honesto, sincero e directo.

    Adoro o espirito comunitário que foi surgindo no teu blogue com o passar dos anos. É algo a seguir como exemplo por todos nós, colegas da profissão. Também aprecio a tua maneira de resolver conflitos. Com inteligência, subtileza e incisiva quando tem de ser.

    A união faz a força, e como líder (nosph) tens alguma relevância na blogosfera. Está provado que és uma autoridade (cherifa, como dizem por ai), logo, se a tua reacção não fosse tão positiva, tinha “… me ferrado” como dizem aí no brasil.

    Mas, inda bem que tudo passou, como dizes e bem: “Águas passadas não movem moinho, e barco parado não ganha frete”. Eu acrescento:

    Por vezes as grandes amizades começam com pequenos confrontos e choques de personalidade, vindo a tornar-se em relações duradouras e saudáveis. Acho …

    Muitos bjs para ti e abraços para todos os leitores do blosque.com

    @ Fabio

    Colega, por vezes não conseguimos expressar da melhor forma o que queríamos dizer e acabamos sendo mal interpretados pelos outros. Provavelmente não usei as melhores palavras para expressar o meu ponto de vista, e certamente não devia falar de outros que nada têm a ver com o tema.

    Impulsividade, imaturidade, e franqueza, são alguns dos meus defeitos. Tenho mais, mas não interessa para o caso. No fundo, sou humano !! Contudo, costumo aprender à primeira … Não preciso de errar muitas vezes para aprender.

    Agradeço a vontade em você me querer fazer ver as coisas na perspectiva dos outros. Respeito muito a opinião dos outros e sempre que posso, paro, para analisar até que ponto os outros têm razão. Por vezes, deparo-me com acções minhas, que não tiveram o resultado que queria que tivessem, saindo o “tiro pela culatra”

    Mas, como tenho o hábito de analisar as mesmas frequentemente, deparo-me com algumas situações que posso emendar ou melhorar. Na maior parte das vezes, são os outros a alertar-me e não o contrário.

    Quem te avisa teu amigo é … Levo os avisos, criticas, ou chamadas de atenção (feitas pelos outros), como uma forma de nos alertarem para algo que estamos a fazer mal.

    Grande abraço, colega
    Artur

  31. Artur,

    relaxa [2]

    🙂

    Saber reconhecer um erro (que ainda não sei qual foi) é fundamental.

    (Nospherat, nem adianta ralhar com a gente. Seu formulário de comentário virou sala de chat mesmo 🙂 )

  32. rsrs Valeu a dica Nospheratt!!!
    Abraço.

  33. è verdade!!!
    obrigado pela dica!!
    pois o meu é ovinho em folha!!!
    =D

    holve algumas noticias que publiquei, más não copiei de fato, deixei meu ponto de vista sobre esta.
    não ha nada de errado nisso não ne?

  34. Obrigado Nospheratt!!
    Ótimas Dicas.. foi extemamente util
    O meu tambem é novinho!!

    abraços

  35. Hehehehehe….

    Post excelente e gostei ainda mais da lista de site que você colocou…

    * Blosque É claro! 😉 ¬¬
    Os outros aí embaixo vou conhecer todos!!
    * Viamão Lotado
    * Lucrando na Rede
    * O Fim da Várzea
    * BrPoint
    * Boombust
    * Contraditorium
    * Quero Ter Um Blog

    ^^

  36. a parte mais dificil pra mim é nao escrever errado

  37. Emilia

    Vim até aqui por referência de um outro blog no diHitt, e gostaria de saber a sua opinião, relativamente a um blog que criei há dias atrás. Nesse blog transcrevo poemas com o nome do autor e do livro de onde foi retirado o poema. Gostaria que me dissesse se isto é correcto. A minha ideia era fazer uma compilação dos poemas de que mais gosto e divulga-los, mas depois de ter lido os seus conselhos, começo a achar que o meu blog não faz sentido.

    Obrigada pela sua atenção

  38. Excelente post! Sempre tento iniciar um blog mas me falta tempo, pois tenho que cuidar do meu site. Quando eu tomar coragem pra criar um, vou tomar esses cuidados! Valeu!!!
    😀

  39. Excelente texto cara, mostra o quanto é importante as pessoas que estão começando a blogar a seguirem estas regras.

  40. Caraca…brother!!! eu estava começando a brincar (experimentar)na blogosfera, acho que vou desistir após ler este imenso post. Não conhecia esta “Xerif Nosphie”, mas pelo que li nos comentários pude constatar que todos a consideram a “blogueira”. A verdade é que de longe quero ser um Pro, só quero experimentar e tirar minhas próprias conclusões assim com fiz com last fm, orkut, my space e por aí vai. M

  41. Obrigado,

    Pois ia cometer uma série desses erros!!!

    Estou começando a monta o meu blog e já estava pensando em um monte de coisas que poderia fazer para divulgá-lo, mas agora com certeza vou deixar de fazer muitas dessas coisas…

    Valeu e um grande abraço.

  42. Raylan

    Parabéns! gostei muito!!
    e obrigado por que eu ia fazer um bocade de erros!

    Valeu e um abraço!

  43. Silvio Luiz Alves

    Gostei dos conselhos!O maior erro é querer ser um Blogueiro sem antes se informar do que deve ou não fazer.Já passou da hora das pessoas buscarem a ética e a moral nesse País,e passarem a escrever um português transparente porque,afinal de contas,as pessoas que lêem não tem o dever de ficarem decifrando palavras como se fossem arqueólogas.Isso é regredir e não evoluir.

  44. Ray Renders

    Muito útil a informação neste blog.

    Parabéns.

  45. Eu creie um blog ha duas semanas, mas nao sabia muito bem como funciona, ainda nao sei, na verdade. Por isso gostei muito das dicas e vejo que ja cometi o erro de enviar um e-mail “visite meu blog” para o pessoal da faculdade. Fiquei ate vermelha quando li que estava sendo tao inconveniente. Nao sabia mesmo. O blog esta meio verdinho, nao consigo alterar o visual etc…mas estou gostando de poder escrever minhas cronicas e tentando aprender mais sobre blog. Obrigada pelas dicas!

  46. Paulo

    Boa Noite, gostaria primeiramente de parabenizá-lo por ter criado este espaço para os iniciantes no mundo dos Blogs. Todas as informações postadas no mesmo, tem sido de grande valia haja vista que estou começando a criar o meu blog, embora mesmo ainda esteja no processo de “gestação”. Espero poder contribuir para esse vasto e maravilhoso mundo dos blogs a qual estou apenas conhecendo.

    Sem mais, meus parabéns!!

  47. Olá. É sempre muito bom ler dicas de quem sabe o que está falando. Esse post está ótimo e adorei TODAS as dicas.

    Obrigada.

  48. wanderson

    Oi tudo bem? eu estou começando a fazer meu blog mas como fazer para divulgá-lo. É um blog de variedades,será que é legal ter um blog assim ,ou ter um blog sobre determinado assunto. Quero agra decer pela ótima explicação sobre o que não fazer no meu blog.Obrigado!!! 😉

  49. Eu pessoalmente já cometi alguns dos erros mensionados mas nada melhor que a experiencia para aprender ;P Bom vou continuar a ler os seus posts bom trabalho e mais uma vez obrigado pelas dicas!!!

  50. Ola. Estou começando e a tentação de publicar é grande, então encontrei o blosque, me fez pensar mais, legal vou me instruir um pouco mais antes de fazer cáca, pois adoro informatica, principalmente a rede e no minimo quero estar e permanecer junto de voces.

    Valeu !!!

    Obs: por enquanto o blog está aberto só para o editor, vou estudar mais um pouco.

  51. Nospheratt,

    Olá e primeiramente quero parabenizar pelo post. Muito útil!
    Apesar de trabalhar com computadores à muito tempo, sou novo nessa coisa de blog (4 ou 5 dias na verdade), e buscando algo pra colocar nele (o blog), encontrei esse post.
    Quando li, vi (na minha opinião) que era um coisa que todo mundo devia saber e não precisava estar ali. São regras de civilidade que deveriam existir não só no mundo da internet como no dia a dia.
    Mas lendo mais atenciosamente, aprendi muito também. E acabei percebendo que nem todo mundo tem a mesma criação…tipo… eu sei respeitar os outros por natureza…(por isso fiquei meio cético com o post, pois muitas dessas regras eu uso apenas pelo bom senso)…mas outras às vezes não tiveram a mesma educação e precisam que alguém lhe dê um toque.

    Como disse sou novato, e ainda tenho muitas dúvidas e gostaria de (sempre que possível), trocar essas experiências.

    Pelo que ví, você (posso te tratar assim?)é bem respeitada por todos aqui, e conquistou o meu respeito também.

    Dizer que vou te linkar é uma redundância.

    Parabéns.

  52. arca

    Arca
    Saudações a todos.
    gostei do que li mas vou deixar várias oberservação.
    1° Se tivesse que pagar mensal blog ou forum será que teria muitos?
    2° Quais os obgetivos de foto e texto não ou ser copiados e por qual motivo plublicou na net?
    3° As pessoas fazem blog,forum, email tudo publico e depois vem a ação e reação já tinham pensado nisto?
    4° A Internet é 2 árvores uma ciência do bem e do mal, mega fonte de Informção muita, coisa boa e grátis onde todo mundo aparece deixa sua opinião.
    Obrigado s a todos att.arca

  53. Puxa, ainda bem que eu caí nesse blog… Estou começando agora, e já estava cometendo alguns errinhos, vou tomar mais cuidado a partir de agora!
    Valeu pelas dicas.
    Bjs,
    Andy

  54. Todos os novos blogueiros (e alguns velhos) deveriam ler este texto 🙂

    Bjs

    Maysa

  55. Excelentes dicas. Enfim, o bom senso e um padrão ético devem dominar sua política editorial. Estou no início dos meus dois blogs, o Blog da Aprovação, voltado para concursos públicos, e o Museu da Propaganda, de propagandas antigas. E mesmo sendo um blogueiro que está começando, já tive problemas com malucos implorando links ou me mandando spam.

  56. Enviei antes da hora… mas completando meu comentário anterior, também já vi bons exemplos de cavalheirismo, de gente que te cita, dá o crédito e te avisa. Não por coincidência, esses últimos têm blogs muito mais bem sucedidos.

  57. Sarah Ricci

    Adorei suas explicações, gostaria de receber todo o seu posto por e mail para sempre ter comigo.
    Parabens.

  58. Nossa! nunca li nada tão bom quanto essa postagem. Obrigada, vou concertar meus inumeros erros… Até mas

  59. Parabéns matéria muito boa mesmo adorei , sempre que possivel estarei passando por aqui para ler suas matérias , e desde já estarei mudando meus conceitos no meu blog, para ter um blog de qualidade obrigado pela dica tenha um otimo domingo abarços

  60. Olha, sinceramente, eu entrei nesse blog por acaso, e agora não quero mais sair daqui. Quando li este artigo, vi meu retrato estampado nele. Quando iniciei com meu primeiro blog não imaginei que fosse precisar de ajuda ou coisa parecida, pois na verdade, eu comecei a blogar apenas para falar da minha vida, de coisas que aconteciam comigo e também testemunhar vitórias recebidas, etc. Até então, não tinha muita experiência para complementar meu blog. Não tinha contador, seguidores, e por aí vai. E por não ter experiência nessa área até agora, enchi meu blog de coisas irrelevantes, assim como está no post. Até copiar artigos de outras pessoas eu fiz, mas sempre dando os créditos do autor, e o restante eu sempre escrevia o que achava que deveria escrever. E lendo esse artigo, fiquei muito preocupada comigo, pois estava exatamente, assim blogando sem sentido algum, se bem que meus posts apesar de não serem os melhores, tem uma porcentagem que é bem aceita por quem me visita.
    Amei seu blog, muito instrutivo e divertido.
    Um grande abraço, e procurarei não sair daqui.

  61. Aí cara obrigado por essas dicas

  62. Estou querendo começar um blog decente, e essas dicas, apesar de eu já ter uma noção delas, me serviram para relembrar e dar atenção à todos os pontos necessários.
    Valeu!

  63. bruna

    valeu pelas dicas!

    chau!

  64. Pessoal, alguém me tire essa dúvida. O que é span???!

    Agora, como comentário a parte. Eu achei a matéria muito boa, explicativa, mas meio exagerada. Meio grossa, melhor dizendo. Nos dias de hoje é extremamente difícil seguir essas normas a risca. E embora eu não costume infligí-las, também não me espantaria saber que eu não segui todas essas regras direitinho, é difícil, né!
    Eu não sabia, por exemplo, que “fonte” não era a escrita correta, mesmo que eu escreva, quando uso a função copiar, DEVIDOS CRÉDITOS. Também não sei se é o certo.
    Ás vezes, nós queremos fazer tudo com nossas próprias palavras, mas em algum momento, pra completar, ou pra criar um assunto, precisamos de uma matéria que já foi escrita. Senão fica sem sentido a nossa, que apenas seria falar sobre algo, que precisamos citar, mostrar antes, é claro. Nesses casos, acho que não é nenhum pecado pegar de outro lugar, que permiti, é claro. E creditá-lo.
    Além do que isso não é o pior crime do mundo. Vamos e convenhamos.
    Não deveria ser levado tão a sério. Uma coisa é plágio, outra coisa é copiar algo e mostrar que não é de sua autoria e colocar os créditos merecidos.
    Num geral, 99,9% dos blogueiros amadores, que é a esmagadora maioria, não seguem as normas citadas no texto acima à risca. Nem os que dizem que sim. Falemos a verdade, né. O problema é que tem gente que exagera. Copiam tudo. Não se esforçam nem pra criar algo diferente. Querem popularidade no blog a custa dos outros, isso é chato. Não dá cadeia, mas pega muito mau.

  65. Apesar dos pesares, eu achei o blog muito bom (mesmo),
    só acho que poderia ser mais recepitivo. Mas fica como uma sugestão, se assim quiserem entender, é claro.
    Abraços!

  66. Ótimo artigo, e como um novato na área, já cometi quase todos os erros, rsrs.

    Abraço

  67. kaue

    Texto bastante útil.Acho que não precisa nem dizer que vc está mais uma vez de parabéns! Penso que você poderia escrever um artigo sobre os pricipais termos utilizados na blogesfera

  68. Fernanda

    Muito interessante!
    Ajuda, mesmo, quem tah começando!!
    Parabéns!!

  69. Nospheratt,

    dispensando dizer que o seu blog é uma das maravilhas da internet, queria te fazer alguns questionamentos que tive durante a leitura do começando a blogar, É só uma parte, com o tempo te pergunto mais coisas relevantes.

    Bom tenho um blog que para mim está ótimo, pois recebe mais de cem visitas por dia – quando eu nem sonhava com isso. Mas ele é um blog religioso/ católico e, logicamente, com um tema predefinido.
    Então pensei em criar um novo blog. Daí surgiram dúvidas, que seguem:
    1- É interessante falar um pouco de “tudo” neste blog?
    2- O nome para o blog está sendo o mais difícil, visto que os mais interessantes já estão sendo utilizados: ou por gente séria ou por pessoas que usam a url só para que niguém a use futuramente. Daí me restaram:
    * Blogueiro Paladino * Chronus Blog * Usina de Blogs * Armazém Blog

    Queria te pedir para opinar entre um ou nenhum destes, se for o caso.

    3- Por último, usar nome próprio em blog pode dar certo?

    Temendo, mas pedindo sua sinceridade, aguardo resposta.

  70. Nospheratt,

    Esse seu post e os demais guias foram e estão sendo muito úteis para mim. Comecei a fazer meu primeiríssmo blog anteontem e já fiz uso de seus conselhos. No item 1 do post “Está Começando Um Blog? Descubra Aqui O Que Você Não Deve Fazer”, qdo vc fala sobre plágio/cópia, diz: “não há informação sobre licença? (…) Peça licença!”
    Pra poder utilizar uma imagem lindíssima logo na entrada no meu blog, escrevi um email pedindo licença pro fotógrafo e ele já me respondeu no mesmo dia dizendo que eu podia usar qualquer foto, contanto que divulgasse os devidos créditos. O resultado é um blog honesto.
    Não concordo com a política do “todo mundo erra, vou errar tb”. Temos que começar sendo responsáveis pelo conteúdo que escolhemos veicular.

    Parabéns pelo trabalho.

  71. Maria Helena Nascimento

    Parabéns e obrigada pelos ensinamentos, bom demais. Gostaria muito de fazer um Blog pois gosto muito de escrever e mostrar as belezas do meu Pernambuco e também postar fotos. Como devo fazer para o meu futuro Blog ser visto? Agradeço os contatos e orientações.

  72. Ajudou pra caramba! o.o

    Agora meu blog ta no Creative Commons *-*

  73. Ótimas dicas estava favoritado aki essa página e agora que comecei a “bloggar” voltei pra agradecer pelas dicas!

    Obrigado!

  74. Nospheratt,

    Parabéns pelo post, muito informativo e completo.

    Lendo ele me fez repensar tudo o que fiz até agora no meu “esboço” de blog.
    Ainda estou no começo, amadurecendo idéias, mas já pude perceber que em vários pontos estava iniciando de forma totalmente errada, equivocada mesmo!

    Agora é ler, estudar e por em prática e, se não der certo, pelo menos tentei da forma mais correta possível e sem prejudicar ninguém.

    Abração.

  75. Parabéns, muito bom este post!

    Obrigado pelas dicas!

    Boa Sorte!

  76. Poxa, amei as dicas, ajuda muito mesmo a quem já não é tão iniciante assim no mundo dos blogs. Quanto ao que foi citado ali acima, sobre copyright e creative commons, como fica eu postar poesias no site Recanto das Letras e em um determinado espaço do meu blog? o correto (mesmo que para dar o exemplo) seria eu colocar os devidos créditos? (à minha pessoa?)
    Ou no caso de eu postar primeiro no blog e só depois importar influi em algo? porque eu sei que escrevi aqueles textos e upei direto do pc, mas meus leitores saberão disso?

    desde já, parabéns pelas dicas 😉

  77. Parabens e muito obrigada pelas dicas ^^

  78. Muito bom , já fiz meu checklist ! Queria ter lido isso há dois anos trás quando comecamos o blog.

  79. Sou novato e antes de ler esse post, não tinha a mínima noção do quanto estava sendo inconveniente!

    Obrigado, abriu meu olhos!

  80. Manu

    Adorei as dicas.
    Comecei meu blog a pouco tempo e foi muito bom saber disso.
    Depois eu mando o link dele para vocês poderem avaliar, estou precisando saber se ele está na devida ordem.
    Outra vez, muitíssimo obrigada por esclarecer as minhas e as dos outros blogueiros.
    Até mais

  81. Amigo, o link Lucrando na Rede, ao final do texto, está com um ‘.br’ a mais.

  82. Olá a todos,
    venho tentando arrumar meu blog e passar; mesmo que virtualmente!Coisas positivas.Mas!confesso.Estou tendo muitas dificuldades. Na verdade,é um grupo Mas quero torná-lo em um blog sério e lindo. Quero ajudar por meio de palvras. A FORÇA DA PALAVRA.Isto, me ajudou muito e vou retribuir passando adiante.
    – Obrigada por criarem este espaço;
    – Vou ler, mais atentamente;
    – E vou conseguir!
    – Aceito ajuda, opinião e críticas…

    Sem mais,
    desde já; agradeço.

    Paz e luz para tosos…

    Att. Rosania Almada

  83. Ju

    Nospheratt,olá!
    Estou pensando em montar um blog para fins acadêmicos, leia-se: colegas que nunca sabem a matéria da prova, o que acontece na faculdade ou mesmo no planeta Terra e se transformam em verdadeiras “torradeiras”!rsrsrsrs
    Seus artigos estão me ajudando muito mesmo… inclusive a estabelecer parâmetros e regras.
    Como sou do tipo que antes de se meter a fazer algo estuda a respeito, estou lendo ao máximo sobre como fazer, o que fazer, o que NÃO fazer e sobre como deixar bonitinho (afinal eu também gosto de coisinhas “frufrus”. Se puder me dar uma dica sobre a utilização de templates… é melhor usar pronto? mandar fazer personalizado? tentar fazer eu mesma? ó dúvidas, dúvidas… vou continuar pesquisando, lendo os seus posts e quando ficar pronto pode ter certeza que vou “culpar” você. =)rsrsrsrs
    Gostaria deixar registrado, desde já, o meu muito obrigada.

  84. Paulo Freitas Bittencourt Vieira

    A melhor maneira de estar ligado ao mundo é através da internet. Estou feliz por ter encontrado o blogspot!

  85. Legal! Ainda mais porque ninguém nasce bloggueiro e as regras do jogo não estão estão claras assim.
    Tem coisas óbvias como a cópia de conteúdos. Mas outras, como a de enviar um e-mail avisando os amigos que tem um blog, eu o fiz… E não acho uma prática tão condenável. Não acho que é mendigar acesso. Acho que é apenas participar as pessoas que você está fazendo algo novo… Talvez inocência minha, sei lá… Fiz uma vez e nao faço mais. Etiqueta é etiqueta, né?

  86. Caraca, acho que este artigo foi escrito para mim!! Pena não tê-lo lido antes, teria feito muitas coisas diferentes!! Parabéns pelo artigo!!

    Abraço!!

    Ueritom

  87. Confesso que já fiz muito hotlink e só recentemente descobri que não é uma boa prática.

  88. Êita mundão véio! Acabei de deixar dois comentários com assinatura! Mas no restante tá tudo legal. Nunca me passou pela cabeça que houvesse infelizes que copiassem conteúdo, ainda por cima assumindo a autoria. Falta de cérebro.

    Escrever errado e com abreviações estúpidas já cansei de ver. Os caras pensam que internet é vaso sanitário.

    Tô chegando lá… obrigado de nôvo.

    Oppps… quase ia assinando…

  89. não existe nada, nada, nadinha igual ao meu blog.

  90. Gutemberg O. da Fonseca

    Bacana essas dicas sobre como começar um blog. Estou começando um e realmente essas informações foram bastante úteis. Parabéns.

  91. Parabéns pelas maravilhosas dicas e sábias orientações.
    Na minha idade, 61 anos, são poucas as pessoas que arriscam usar um computador para passar um pouco de sua experiência e vivência em defesa de uma causa.
    Desde fevereiro de 2008 criei um blog sobre recursos hídricos, em defesa dos rios do brasil. Confesso que nada sei sobre html e essas linguagens que vocês dominam.
    Vejo que tenho feito muita coisa errada agora com suas dicas vou procurar me policiar mais, corrigir o que tenho errado e ver se acerto mais no trabalho que me propus a realizar e que tem dado bons frutos.
    Considero um sucesso, pois, sem falar de sexo, futebol, culinária e fuxico da vida de artistas atingimos 300 mil visitas nesta semana, tratando apenas de preservação e recuperação dos rios do Brasil.
    Sei que vou aprender muito sobre blogs visitando mais seu site. Parabéns!
    Agradeço muito suas importantes e valiosas dicas.

    Prof. Jarmuth
    Campos do Jordão – SP

  92. Obrigado!
    Aprendi muito aqui!
    Parabéns

  93. adorei! eu montei um Blog a dois dias e não sabia toda s as regras, então resolvi pesquisar e por encrivel que pareça, eu fui informada desse blog, e amei não aprendi tudo, mais se começa de baixo, então é isso vou continuar visitando para melhores informações.

  94. Muito boa as dicas! Já sei, vou copiar e colar lá no meu blogs, (rsrsrs) brincadeira… Excelente o post, gostei muito dos artigos desse blog, parabéns aos administradores!

  95. Adorei a postagem! Comecei agora no mundo dos blogueiros e estava meio perdida! Ótimo blog, adorei as dicas, são bem úteis.
    Sucesso 🙂

  96. Bem… Acho que estamos sempre a aprender…

    Sem dúvida que é uma grande ajuda ler este post.
    Acho que não estou a cometer erros, mas mesmo assim fico na dúvida porque tenho amigas minhas que gostam de ler os meus textos e normalmente quando posto alguma coisa nova digo-lhes para passarem por lá!

    Será que isso é pedinchar?

    Seja como for, obrigada pela ajuda, está maravilhoso o blog e vou manter-me por aqui um bocado….

    Beijo

  97. É uma pena que só agora deparei com o seu blog; Sou blogueiro da primeira hora, mas noto que teria cometido menos erros se tivesse conhecido seu blog lá pelos idos de 2006. Parabens!!! vou assinar o Feed Rs do blosque.com.

  98. LoL. Isso foi incrivel. Quase um sermão -eu acho. Bom, pelo menos para mim, tenho um blog a poucas semanas e, confesso cometi sim alguns erros, porém estou disposto a concertá-los, acho que ainda tenho tempo para isso.

  99. Silvia Lima

    Ao cair providencialmente nos braços desse blog, e ao lê-lo inteiro me dei conta que os erros que cometi, pois sou semi-analfabeta no assunto,foram involuntários. Eu não sentia nenhuma nescessidade de criar meu próprio blog, uma vez que se procurares na internet tópico sobre a influência da desinteria no ciclo menstrual das formigas(desculpe-me pelo exemplo chulo), vais encontrar milhares de blogs entendidos sobre o assunto. Mas criei um para aprender, como postar imagens, slides, textos, excluir… enfim. Nesse mundo onde “nada se cria, tudo se copia”, fica muito difícil saber o que é politicamente correto. Vou continuar visitando esse espaço na tentativa de ser a mais ética possível na construçao de meu blog. Sim, porque agora mais que nunca quero um. Muito obrigada pelas informações e aquele abraço.

  100. Oi!

    Muito legal o seu site. Mesmo que meu blog seja pequeninho e sem grandes ambições achei mega interessante as dicas que tu deixou e vou tentar segui-las!

    Gracias!

  101. Olá!

    Nossa, estou começando o meu blog agora, e suas informações foram MUITO úteis, de verdade.

    Obrigada =D

  102. muito legal as dicas!!

  103. Legal o blog, estou começando agora na blogosféra.

    Parabéns pelas dicas! 😀

  104. Também estou começando agora e todo dia leio um artigo do blosque para não cometer (tantos) erros.
    Obrigada pelas dicas.

  105. Gostei muito das dicas….tenho um blog e poucos deslises desse eu cometo. REPITO, poucos ^^

  106. Joyce

    Oi!
    adorei o seu blog
    estou começando o meu agora
    e estou meio perdida =/
    na verdade não tanto porque ja peguei algumas dicas aqui
    mas para mim ainda não ficou muito claro a parte de não fazer spam
    pois quero saber se em orkut e msn tambem não é legal colocar: ”visite meu blog”

    e se não for, como faço para divulgar meu blog?

    por favor se der manda um e-mail para mim

    e Parabéns adorei aqui
    e aprendi bastante!

    Beijos!

  107. Lana

    Puxa… Adorei! Procurando uma forma de bloquear algumas coisas que escrevo, encontrei o seu blog. Achei sensacional! Sempre tive preocupação e cuidado em dar os créditos aos seus legítimos donos. Quando recebo algum texto, frases, ou pensamentos que tenho dúvida sobre a sua autoria, gosto de pesquisar para não postar algo erroneamente; e fico bastante irritada quando recebo emails (até de contatos meus), em que subscrevem um texto, “esquecendo-se” do mais importante que é, colocar a sua verdadeira autoria. É muito desrespeitoso.
    Parabéns pelas informações, adorei!
    Abraços!

  108. Fiz o comentário acima e esqueci de colocar o meu blog, portanto, aí está…
    Mais uma vez, PARABÉNS! Adorei!

  109. muito legal esse arquivo…gostei de ver…
    quem criou esta de parabens

  110. ow eu nem imaginava nisso tanto de coisas que se pode fazer de errado num blog ow valeu Obg.

  111. Olá a todos

    Gostaria de comentar a fala da Iara Alencar. Uma sugestão para fazer o hotlinks sem utilizar outros servidores e de tabela deixar seu blog mais leve, menos sobre carregado é fazer o upload da imagem para o gloogle docs e em seguida o hotlink.

    Abraços

  112. Bom dia. Não tenho muita afinidade com o mundo dos computadores e até por isso resolvi me aventurar no mundo dos bloggeiros. Quero me atualizar, tenho curiosidades e meu medo e começar da maneira errada. Ao ler sua matéria me pergunto se por uma acaso estaria gerando spam? Olha só, coloquei na minha assinatura de e-mail, logo após meu nome e contato, “visite o nosso blog” e em seguida a URL, mas nunca envio só isso para as pessoas. Seria isso inadequado? Outra dúvida que tive ao ler seu texto foi: Ao colocar um texto de um autor ultra conhecido e já falecido, como é o caso de Shakespeare, em que não encontro os direitos reservados, bastaria fazer referência ao autor e seu tradutor?
    Desde já agradeço a atenção.
    Aifos

  113. Quero dizer ao autor deste belíssimo texto que: quando se trata de textos não publicados na Internet, mas impressos; há toda uma recomendação da ABNT. Portanto, não há nenhum erro no sentido de usar “Fonte” quando se faz uma resenha, um resumo etc. Neste caso, “Fonte” se refere a uma Referência Bibliográfica.

    Mas concordo quando você distingue “créditos” de “fonte”. Muita gente copia textos digitais e não credita seus autores. Erro gravíssimo, além de expor a incapacidade dessas pessoas.

  114. Estou gostando muito das postagens de seu blog, está sendo bastante útil para a construção do meu… valeu

  115. Estou adorando essas dicas, comecei a pouco tempo mexer com blog e ainda não sei muitas e muitas coisas ! Obrigada 😉

  116. Carolina Mael

    Já faz alguns meses que fiz, porém está inacabado por pura falta de informações. São muitas dúvias e até parece um pouco difícil algo que parecia tão fácil.
    Vou fazer direito e estudar p depois concluir.
    Obrigada pelas dicas

  117. ADOREI!!!
    Além de rir com certos comentários, foi bom conhecer os erros que se comete na rede mundial.
    Só agora tive vontade de criar um blog para mim. Não tenho a intenção de torna-lo famoso, mas apenas ter uma válvula de escape e de quebra, postar algumas fotos, imagens que eu achar adequadas.
    Com certeza esse seu blog será uma espécie de consultoria para mim.
    Obrigada!

  118. Suely

    Muito bom! Criei um blog e não sabia o que fazer.
    Você me esclareceu muitas coisas.
    Obrigada.

  119. Algo no sentido geral do texto ocorreu comigo, nunca fiz mailing. E divulguei meu blog apenas em tópicos para esse fim em comunidade. Como gosto de ler sempre comento nos demais blogs que considero relevante. E comecei a estabelecer uma relação com os outros blogueiros que abordam as relações internacionais, por vezes gerando debates acalorados e respeitosos.

    Segui as mesmas regras da educação do mundo real e intuitivamente fiz o que aqui é tido como ética dos autores. Uma felicidade. Embora, isso não me isente de ter meu blog invadido por gente com comentários semi-analfabetos e sem nenhuma capacidade hermenêutica.

    Cheguei aqui em busca de tutoriais, mas acabei ficando pelo debate sobre a praxis dessa atividade que considero profissional, embora não viva dela.

    Desculpe por comentar em estilo coveiro.

    Abs

  120. Mesmo seguindos estas dicas, você precisa ter um pouco de “sorte” para engrenar um blog. Sem sorte o negócio fica muito lento. 😀

  121. oiee , acabei de fazer um blog e não sei o que postar nele ehehheheheh
    mais pelo visto já sei o que não fazer =D
    será que alguem pode me dar umas dicas do que postar hehehehhehe
    beijoss* natasha

  122. ai socorro eeu não sei o que postar no meu blog ! o que vocês acham disso :
    bom como vocês perceberão eu acabei de fazer o meu blog e ainda não tenho muita idéia do que postar ! heheheheeh HELP !
    será que fica muito sem noção =/
    natasha

  123. Acabei de criar meu blog e adorei essa postagem.. Ajudou bastante!
    Beijos
    Sucesso

  124. Muito interessante.
    Como eu sou novato no mundo dos blogs eu vou ter que aprender muito com suas postagens…

  125. disom barboza

    gostei das dicas, pretendo começar o meu blog, espero ter sucesso. muito obrigado.

  126. Gostei da dicas, principalmente da comparação com o garoto que pode querer sair por aí avisando do tamanho de seu pinto! Muito engraçado!

  127. Ivana Lucena

    Parabéns pela idéia, colaborar com os outros é sempre um gesto muito nobre. Fiquei aliviada em perceber que até aqui não cometi ainda nenhum dos erros mencionados, mas ainda necessito aprender muito.
    Boa sorte a todos os que se aventuram como blogueiros.

  128. Muito interessante! Apesar da maioria dos blogueiros adorarem sair espalhando o endereço de seus blogs por onde passam ou postam alguma coisa. Eu mesmo faço isso… Por exemplo: quando respondo lá no YR, em todas as resposta eu deixo meu blog. Mesmo porque, no formulário tem um espaço para apresentar a fonte. Nesse caso penso que não seja errado, não é span.

  129. Júnior

    Valei pelas dicas. Estou começando e ja ia uma carrada de erros.

    obrigado!!

  130. Sergey Brin

    OMG! Eu cometi um crime sem ao menos saber!

  131. Eliana Barbosa

    Sensacional os conselhos citados.Dicas importantíssimas para se tornar um autêntico bloqueiro.Quiça como vc.

  132. Muito claras as informações, servem como base para se começar a pensar no assunto se, como eu, ainda não tem um e pensa em faze-lo no futuro.

  133. Raimundo de Carvalho Irmão

    A quem possa se interessar em nós ajudar.
    Sou professor aposentado da rede publica e da rede particular de ensino. Lecionei as
    materias: Contailidade Geral e Aplicada,Contabilidade Comercial, Contabilidade Pública,
    Matematica Financeira, e Analise de Balanço. Gosto muito de escrever sobre: O ser humano.
    como por exemplo: Porque sofremos. Para onde iremos. Sobre as pantas, passaros etc…
    etc…. e gostaria de fazer o meu blog. Porem não seis quais os passos a serem dados.
    Ficariamos bastante agradecidos se contasse com uma ajuda.
    Antecipadamente, agrdecemos a valiosa colaboração e prestimosa cooperação.
    Atenciosamente.
    Professor Raimundo de Carvalho Irmão
    Emai: raimundo.irmao@hotmail.com

  134. Izy

    Gostei demais das dicas… obrigada, vou ler “trocentas” vezes pra não cometer nenhum erro… rsrsrsrs…

    abçs

  135. Muitissimo obrigada pela sua gentilesa dando uma olhada no blog.Ainda estou tentando acertar.Não tinha lido nada a respeito e obedecia minhas antigas noçôes de ética profissional.Ajudou muito o texto acima sobre comportamentos no blog,que eu nem podia imaginar.existentes.Seu blog tem muito a ensinar e também por isso me torno sua seguidora.Abração carinhoso da Nelly.

  136. uau demais gostei vcs são do bolado meu

  137. Muito legal da sua parte dar todas essas dicas sobres erros cometidos por blogueiros, eu por exemplo, sou recente nesse ramo e estava totalmente perdida sem saber o que podia e não podia, cheguei até cometer alguns desses erros, menos o plágio, mas, a partir de agora tomarei todos esses cuidados.
    Obrigada pelas dicas.

  138. Elizabeth Sales

    Criei um blog porque sempre quis escrever minhas próprias idéias. Só não contava que fosse tão difícil especialmente quando me deparei com uma série de termos que não sei seu significado. Quando encontrei este blog fiquei louca diante do desafio que vou ter pela frente para me fazer presente entre tantas feras da literatura e de conteúdos realmente importante. Pois não quero ser mais uma qualquer escrevendo um monte de besteiras, quero fazer a diferença e um ótimo conteúdo. gostei do que vi aqui e quero aprender o máximo possível apenas lendo e seguindo blog por blog e com isso me familiarizar com esse mundo que me fascina tanto. gostei do que vi aqui, tem muito humor, verdades na medida certa.escrever não é fácil é puro talento bom humor. Valeu por sua coragem de ajudar as outras pessoas como se faz um caminho de sucesso, o qual vou lutar para merecer um lugar ao sol. Obrigado!

  139. Oi…Já queria ter feito meu comentário bem antes sobre seu site, que é de muita informação que ajuda a tirar muitas dúvidas.E tenho muitas!
    Estou recebendo sempre as informações, mas é um vicío, pois a gente entra em informação e acaba aprofundando em outras.
    Estou aproveitando o máximo que consigo.E devemos ter muita prudência realmente com o que estamos fazendo.Do inicío do meu blog até agora já melhorei bastante a través do seu site. Parabéns!!!

  140. Olá, boa tarde.

    Nossa, que ajuda e tanto! Nos meus primeiros blogs, que eu já excluí, eu tinha feito mais da metade disso, mas fui aprendendo.
    Realmente, em miguxês é muito chato, e errado, então? Nem se fala.
    Ainda bem que existe você para nos guiar! Pena que eu só encontrei o seu site agora…
    Estou (tentando!) seguindo as dicas, um abraço para você!
    Só uma dica: você poderia colocar mais dicas sobre templates personalizados!

    Um abraço!

  141. Puxa sou mesmo uma analfabeta em Net, Blogs,….
    Mas estou buscando conhecimento e achei muito aqui. Afinal, o meu blog é direcionado a escola em que leciono e necessito urgente evoluir neste meio. Espero contar com sua ajuda, pois tenho muitas dúvidas.
    Obrigada pelas dicas.

  142. Tay

    Muito boas as dicas;]

  143. Nossa, eu sou uma anta…
    Eu vi várias outras postagens sobre “como ter sucesso”/”como NÃO ter sucesso” e descobri que eu faço quase tudo errado…
    Bem, agora eu vou melhorar, prometo =)
    E vocês vão ver, daqui um tempo meu blog vai ser conhecido mundialmente… e daí eu acordo…

    Bom post… =)
    Xaau

  144. É… Acho que fiz certo em passar por aqui antes de começar 🙂

  145. Muito boa sua explanação. O grande problema é que no início a pessoa no afã de atrair mais leitores, perde preciosos momentos mendigando ajuda ou copinaod conteúdo.
    Quando na verdade poderia interagir ou então ler e criar algo novo de suas considerações.

    Um abraço

  146. Adorei o Post

  147. nospheratt estou começando,mas antes de ter um blog eu criava história e eu gostaria de divulgar meu trabalho seria legal se eu usasse o blog para fazer isto?
    Ou há outra ferramenta que eu possa usar?

  148. Ale

    simplismente a-mei as dicas… obrigada!

  149. Obrigado por tudo, continue assim !

  150. Nossa!Muito legal isso também, acredito que como tudo na vida com honestidade é que se consegue dignidade.

  151. Vládia Queiroz

    Dúvida: no caso de trabalhos acadêmicos a cópia com citação continua sendo crime? Penso que não. Mas se tiver algo a respeito, peço que me envie. Afinal, como poderia ser realizada uma pesquisa de outra forma? toda pesquisa necessita citar as fontes e demonstrar o que pesquisou.

  152. Muito obrigda,pelas dicas,pois na maioria das vezes fazemos algo sem conhececimento,e voces falam exatamente o que precisamos saber,parabens.

    • corrigindo,o site mencionado não é o correto,o correto é este,www.paulinhamissaofiel.blogspot.com sobre o comentario:Muito obrigda,pelas dicas,pois na maioria das vezes fazemos algo sem conhececimento,e voces falam exatamente o que precisamos saber,parabens.
      e a palavra obrigada esta errada.por gentiliza na verificação corrigir,agradeço.

  153. Eu sempre coloquei os creditos do autor, mas eu escrevo fonte, vou editar as minhas postagens, e sobre o conteudo copiado eu coloco como citação, acho que fica malhor dos visitantes verem que a aquela frase é do autor, e o resto do conteudo eu faço uma pequena resenha.

  154. Caralh&%^&^&@$%&@&^&^
    Post %&$^$%@!
    Simplesmente alguns dos mandamentos fundamentais da ética e da integridade humana!
    Embora alguns não estejam a altura sequer de saber, eles merecem.
    Palavras apoiadas.
    Parabéns
    Mr Lisbon

  155. Amei essas dicas..Rachei o bico na parte filhodaputice.Você tem razão.Além do sujeito copiar ainda coloca bem pequeno..rsrsrs

  156. Julia

    Ótimo post! Já deixei de ler vários blogs por encontrar erros de português, abreviações ou miguchês e principalmente conteúdos simplesmente copiados… Mesmo que a intenção não seja ganhar dinheiro com seu blog ou se tornar famoso (pois podemos pura e simplesmente querer escrever, certo?) é legal começar da forma certa. Voltarei aqui outras vezes com certeza!

  157. Procurei por algo que me ajudasse entender melhor sobre o assunto,e encontrei nas suas palavras uma inspiração á mais pra continuar com o meu blog,as vezes erramos sem saber,mas nem almenos procuramos saber qual é o certo a se fazer,e é iSso que você faz,ensina aos recem chegados ao ramo ou até mesmo aos antigos sem conhecimento que pra conseguir se um bom blogueiro e chegar a ser conhecido é preciso mérito,porque as coisas não funcionam como mágica!Pode acreditar que você me ajudou muito.Muito obrigada!

  158. Show de bola os posts.. As dicas são fantásticas..
    Parabéns!!!

  159. Nospheratt, obrigada pelas dicas. Já cometi alguns erros no meu blog por falta de informação mesmo e também por uma certa ingenuidade da minha parte e, a partir de agora, vou evitá-los.
    Um abraço

  160. Prezada Nospheratt,
    Acompanho seu blog e quero parabenizá-la pela sua atitude e ética no que faz. Como estou tomando coragem para lançar um blog (com o apoio das informações que você nos empresta), então surgiu uma dúvida sobre domínio próprio e hospedagem. Se puder me auxiliar lhe agradeço. Tenho um domínio próprio hospedado na Locaweb e lá eles oferecem uma instalação wordpress dentro deste domínio (www.dominio.com.br/blog). Pesquisei no wordpress e meu blog não apareceu. Qual a diferença entre ter um domínio próprio hospedado no wordpress.org (pago) e este tipo da Locaweb? Faz diferença nas pesquisas de blogs? Caso tenha algum material que fale disto, me indique. Grato pela sua atenção lhe desejo uma boa sorte nesta sua jornada internética.

    • Renato, não sei se entendi bem sua dúvida, mas vou tentar esclarecer.

      Suponho que “Pesquisei no wordpress” significa que você fez essa pesquisa no wordpress.com. Seu blog não aparece lá porque ele não está hospedado lá; ele está hospedado na sua conta da locaweb. O que você usa é a versão que está disponível no wordpress.org, que é a que se usa para instalar nas nossas contas de hospedagem (como na locaweb, por exemplo).

      O wordpress.com hospeda blogs do mesmo jeito que o blogger.com. Dê uma olhada neste texto: Conhecendo as duas versões do WordPress, acho que vai ajudar a esclarecer suas dúvidas. 🙂

  161. Para um bom entendedor, todas estas palavras bastam.
    Dicas claras e objetivas.
    Agora vamos ver se eu consigo decolar.

    Grato

    Gilson

  162. é um bom Post, agora sei o que devo ou não fazer, mais assim tem como a pessoa pedir uma autorização pra ter uma lisença ou é paga?

  163. valeu pelas dicas,é bom pesquisar se quiser fazer um bom blog mas copiar nao é original. e nem bem visto.

  164. Olá… suas dicas foram muito legais e me acrescentaram muito
    mas eu tenho uma duvida: e se eu quiser postar um texto que eu não saiba quem escreveu e não há indicação de autor na internet. ainda assim preciso dizer expressamente que eu não sou o autor? de que maneira posso colocar isso no blog? obrigado pelas dicas e espero resposta

  165. Rosemeire

    Gostei das dicas, continue sendo autêntica.
    Parabéns!!

  166. Herenilton

    Seu blog é muito bom.Pena que eu não tenho tanto tempo de está lendo…

  167. Graziela

    Ola, comecei hoje a ler a apostila “be-a-blog”e estou adorando o passo -a-passo. tenho um sonho imenso em trabalhar com construções de site, alías com o meu próprio site (que ainda irei montar). não sei nada de HTML ou CCS e afins, tentei uma bolsa no Senac de um curso na unidade Tatuapé, mas apesar de ser a unica a trabalhar em meu lar, pois meu marido estar desempregado e ter pequeno baby, a bolsa não foi aprovada. Mas estou tentando gostaria muito de fazer este curso, pois ele e rápido e bem explicativo e é exatamente o que preciso devido ao tempo que tenho que dedicar a casa e ao bebe. Outra opção que pensei é um curso em EAD – da Uninove, é uma graduação de 3 anos em (Desenvolvimento – Sistemas para Internet), parece ser bem interessante e a grade do curso será a mesma do curso presencial. me interessei por ele – o que vc acha? sua opnião e de grande valia para mim.
    Obrigada por postar esta dicas e fazer com que pessoas que buscam o melhor para si e sua familia, conseguirem atingir um objetivo.
    Tenho mais uma dúvida? o site que pensei em hospedar o meu domínio é o Host Net, pois eles tem uma maneira fácil de ajuda de construção de site em um painel de controle. O que vc acha?

    Por favor me responda em e-mail – obrigada!

  168. JOANA DARC

    é indispensável afirmar que sou um verdadeiro dinossauro no que tange quaisquer informações relevantes a informática e principalmente sobre internet e seus meandros, e as dicas colhidas aqui já me fizeram clarear um pouco as idéias, e quem sabe consiga no final das contas até a criar um blog, espero que não enfadonho.

  169. JOANA DARC

    gostei das idéia contidas aqui, que sem dúvidas me serão úteis

  170. Penso que coincidentemente possam haver textos ou frases que rementem à mesma informação, porém foram de fato criadas por seus autores, sem que estes copiassem um do outro.

  171. Olá! Sou novo no mundo dos blogs, e desde sempre tenho tentado ao máximo me basear em suas dicas de como começar um blog, mas apesar disso, ainda me deparo com algumas dúvidas. A que quero ressaltar é com relação as imagens ( que não são minhas) que posso utilizar em meu blog. Vi o que foi dito a respeito das imagens do flickr ( que sejam Creative Commons). Se eu utilizo o código de incorporação para postar uma imagem, isso não é fazer hotlink? E se for, como fazer para utilizar a imagem e ainda assim respeitas as condições do Creative Commons?
    Espero que você possa me ajudar. Obrigado e Abraços!

  172. Stephanie

    Muito boas as dicas deste Blog. Ainda bem que dei uma passadinha aqui antes de começar.
    As dicas serão muito bem aproveitadas, e conto com a ajuda de vocês para ter um Blog de sucesso!!

    Beijoos

  173. luciana

    legal essas dicas!

  174. Eu Estava Fazendo tudo errado

  175. Nossa! Que beleza, suas dicas são fantásticas porque esclarece muitas coisas importantes. O conhecimento é imprescindível para se fazer o que planejamos. Parabéns!

  176. Nira filippsen

    Adorei as dicas…estou começando agora e não sei nem como começar…mas com estas dicas vou tentar ir enfrente…valeU!

  177. Não tem jeito toda vez que a gente é novo em um determinado campo ou área sempre cometemos muitos erros. Lendo o seu post me deparei com erros que até então nem imagina que eram erros, como por exemplo colocar o nome do autor de algum texto na parte de baixo do texto, colocar o link da home do blog do autor e não o do link original do texto. O meu blog é muito composto por textos e sou contra o Plágio, procuro sempre colocar os CRÉDITOS de todos os autores, mas pelo seu post percebi que até nisso eu erro, não o faço de forma correta. Eu já venho a algum tempo pensando e eu vou passar e postar mais TEXTOS MEUS e diminuir ao máximo cópias de textos e se o fizer não vou publicá-lo no meu Blog vou deixar o link do texto para que as pessoas conheçam o Blog do autor do texto que tanto me impressionou e assim contribuir para uma blogosfera mais Sincera e livre de plágios. Nospheratt obrigado mesmo pelas EXCELENTES DICAS.

    • Todo mundo erra em algum lugar. O importante é aprender, corrigir os erros e tocar a bola pra frente! 🙂

      Muito obrigada por todos os comentários que você me deixou!! 🙂

  178. Adorei as dicas,sou uma blogueira iniciante e garanto que tudo isso vai me ajudar a melhorar minhas postagens,você é um otimo blogueiro e merece prestigio por ser tão original e claro hehe

  179. Albiran Monteiro

    Sabe que, por mais que acharmos que sabemos, há sempre uma oportunidade aprendermos mais e mais. Obrigado mesmo!!!

  180. adorei as dicas eu estava procurando um marcador de visitas mas achei muita coisa interessante neste blog, parabéns

  181. Essa é a enorme diferença entre blogar e copiar e colar. Gostei

  182. Um ser ingênuo (ou simplesmente pouco informado) que lesse esse post poderia achar que o texto é desnecessário, tendo em vista a quantidade de dicas e orientações sobre como evitar atitudes que uma dose (nem tão grande assim) de bom senso nos evitaria de cometer.
    Mas nem tudo são flores e, nesse momento, digito estas palavras como a prova viva de alguém que cometia dois ou três dos “pecados” citados.
    Por sorte, tenho entrado em contato com muitos textos instrutivos e interessantes nesta minha empreitada em busca de um pouco mais de luz dentro do submundo das interwebs.

    Como sempre, mais um ótimo post.
    Grande abraço.

  183. AmaraAmorim

    Legal adorei

  184. Gabriel

    Muito obrigado por todas essas dicas, me ajudou muito.

  185. pr. Ronivon Teodoro Araujo

    obrigado pela dica….. valeu

  186. Anônimo

    Estou impressionado! Blog realmente informativo aqui meu amigo. Eu só queria comentar e dizer que manter o trabalho de qualidade.

  187. Sempre segui quase todas essas regras, não por ter lido algo dizendo “como proceder”, mas por questão de bom senso mesmo… Confesso que escrevo algumas palavras abreviadas, mas não vou começar a escrevê-las corretamente agora, escrevo assim porque é o meu espaço, não criei um blog pra estourar e ter milhões de acessos, criei para postar minhas bobagens, minhas maquiagens, minhas idéias, minhas opiniões…

    Quem quiser acessar, será sempre bem-vindo, mas que aceite o “meu cantinho” como ele é… Sobre copiar postagens de outros blogs, eu acho que depende muito do que você estará copiando, no meu blog, por exemplo, eu não tenho nenhuma postagem copiada na íntegra, no entanto, umas três ou quatro postagens eu peguei de algum outro blog mas reescrevi com as minhas palavras sobre o assunto.

    Imagens, a maioria eu pego de pesquisas no google, mas coloco no meu próprio servidor, apenas uma eu peguei de um blog, mas coloquei os créditos para a dona.

    Então, é isso… Acho que o post de vocês foi muito bom, para as pessoas que estão começando e não tem muita noção das coisas ainda, ou até mesmo para aqueles que são mais desligados e nunca atentaram para tais dicas. Continuem sempre assim =)

    Beijinhos ;D

  188. Nossa é bem informativo a sua matéria ,me ajudou muito ,sou nova nesse ramo e tenho muita coisa pra aprender.Obg..

  189. =D Parabéns pelo post! D+ será q tem alguma koisinha em q eu naum me enkaixe?! 🙂 kkkkkkkkkkkk

  190. dania

    obrigado

  191. Confesso que me identifiquei em vários dos erro elencados neste post. Tenho menos de uma semana com meu blog. Estou pesquisando agora como melhorá-lo e dar a ele uma cara séria, com credibilidade.

    Lí os posts que você também sugeriu, e o que mais abordaram foi a questão de sair divulgando os posts, pedindo que acessem ao blog. Me sugeriram e eu fiz uma fanpage no face book referente ao meu blog. Essa também é uma estratégia errada? Publicar nela o que foi publicado no meu blog?

  192. Dione Angelica Zandona

    Adorei as dicas, ainda bem que existem pessoas que se preocupam em ajudar o proximo.
    Obrigada.

  193. Obrigada pelo apoio, sou principiante e tenho muito que aprender! Você doa, e se preocupa! A apostila é maravilhosa estou aprendendo e graças a você vou ser melhor. Abraços.

  194. Muito obrigada moço!!^^
    Eu ainda estou começando e tenho muito o que fazer direito!! (ideia para bons assuntos é um deles XDDDDDD)
    Eu sempre ponho as palavras erradas e brutas dos meus pots dentro de parenteses e riscadas ainda por cima!(para só ser lida por quem tiver paciência)
    Você acha isso errado??
    Se quiser me dar sua opinião por favor fale!
    Ficarei muito feliz em ler e melhorar!! =D

  195. Cristina

    Foi ótimo ter lido essas dicas antes. Muito bom.

  196. laisa

    Valeu pelas dicas obrigada

  197. Adorei as dicas, acabei de criar um blog e estava pesquisando sobre os erros que não posso cometer, sua matéria ajudou muito. Obrigada.

  198. Moema

    Boas dicas …

  199. Pois é Nospheratt!
    Isso mostra que blogar não é para qualquer um, os blogs hoje se profissionalizaram, não podemos mais ficar falando de coisinhas pessoais e tentando enrolar o leitor, que está cada vez mais exigente. Muito bom, eu tento me corrigir sempre e gosto de ser ético.
    Obrigado!!!

  200. Fernando ribeiro

    Conheci o Blosque hoje por indicação do site https://metablog.xcake.com.br/ e adorei , seus textos são ótimos e fáceis de ler , bem interessante , muito obrigado !
    Ps:Já salvei o nospheratt nos favoritos

  201. Renata Choueke

    Olá Nospheratt,
    Muito bom poder ter acesso ao material que você disponibiliza em seus espaços.
    Baixei a primeira cartilha do Be-a-Bá, e agora estou mortinha de curiosidade para conhecer o segundo volume.
    Estou pensando em montar um bloq e foi de grande valia o seu material.
    Grande abraço e que seu sucesso continue.

  202. Gostei muita das suas dicas, eu criei um blog e elas me ajudaram muito. Obrigada

  203. Bibi Moore Lessa

    Estou amando as instruções! Não tinha ideia de que a “ética blogueira” estava tão avançada!
    Parabéns pelo post!!!!! Muito esclarecedor.

  204. è muito difícil manter um blog , a pessoa tem de gostar realmente porque da trabalho . E se a pessoa pensa em atrair um monte de gente só criando um blog bonitinho, as vezes a frustração chega mesmo antes de completar 3 meses .

  205. Olá,
    Estou iniciando o meu blog e o encontro inspiração nas suas publicações.

    Suas dicas valiosas para quem está começando.

    Continue…

    Obrigado,

    DeMarco.

  206. Gostei…são dicas úteis

  207. Nossa, é tanta coisa para ter em mente que até assusta! Sinto dificuldade no dilema copiar creditando ou criar algo original que pode não ter credibilidade… Estou bem no começo ainda, estou cheia de dúvidas…

  208. Jéssica Jardim

    Excelentes dicas.

    Não é atoa que as frases: “Você é tão boa nisso!!! Você escreve tão bem!!! Você deveria ter um canal ou um blog!!!”, não foram o suficientes para me convencerem a iniciar tal trabalho. Sei da seriedade e responsabilidade que assumimos ao começar uma vida de “blogueira”.

    Parabéns pelo trabalho que realiza!!! Muito sucesso!!!

  209. Não sou blogueiro de fato.
    Tenho um blog no qual escrevo algumas bobagens.
    Mas, mesmo sendo bobagens, procuro escrever o mais correto possível, pois penso que procurar escrever certo é uma demonstração de respeito com quem lê meu texto.

    Cheguei até o Blosque buscando por algo que me ajudasse com imagem no cabeçalho do blogspot, o modo “fácil” eu já conhecia, e você me ensinou o modo “difícil”, muito obrigado.

    Parabéns pelo seu blog.

  210. Ter um blog não é fácil mas vale a pena, abandonei meu primeiro blog quando comecei nesse mundo. Hoje tenho alguns blogs em que adoro compartilhar meus conhecimentos.

  211. Parabéns pelo artigo… vi que tenho que refazer quase todo o meu blog… rsrsrs.. Sem problema vamos colocar em prática essas orientações…

  212. Meu blog acaba de completar 10 anos e sou muito grata aos teus posts pois foi o núcleo de aprendizado mais importante na minha estrada obrigada por tudo.

    • Nospheratt

      Meus mais sinceros parabéns! 😀 Fico feliz de ter sido parte da sua jornada, deveras. <3

  213. Mel

    Hahahahahahah Adorei a parte: “Não escreva em miguxês; naum ixcreva axim.”
    Muito boas as dicas! Valeu! 🙂

  214. Ótimos posts! Poderia atualizar os links? Alguns não foi possível localizar. Obrigada e siga, teu trabalho é muito bom!

  215. Muito boa as ticas e obrigado pelo Artigo.

  216. Adorei o conteúdo, esse artigo deveria ser uma “parada obrigatória” para todos os iniciantes, pois contem dicas valiosas que muitos não seguem.

  217. Obrigado pelo artigo, me ajudou bastante!

  218. Dicas excelente. Grato por compartilhar!

  219. Ana

    Olá! Muito obrigada pelo conteúdo e pelos avisos

  220. Parabéns. Ótimo conteúdo. Realmente essas coisas são terríveis mesmo. Grato por compartilhar

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén|Social Icons by Freepik