Blogando com Alma... Ainda.

Seu Blog Está Preparado Para Enfrentar Uma Crise?

Conexão Internet reinstalada e funcionando, estou retomando o trabalho hoje.

Estive 12 dias sem postar. O fato de que eu não tinha nenhum plano em caso de emergência (que foi o que me manteve afastada do blog por tanto tempo), me levou a perceber que eu deveria ter me preparado melhor.

Assim como você. Quem leva seus blogs a sério, e principalmente quem encara o blog como fonte de renda, TEM que estar preparado para os problemas, de forma a minimizar os efeitos negativos.

Eu não estava, e sofri as consequências de meu erro: as visitas caíram, provavelmente perdi leitores, tenho várias visitas pendentes a fazer (no sistema de Marketing Viral), estou respondendo tardiamente a alguns excelentes contatos que recebi.

O lado positivo de tudo isso é que aprendi com a (má) experiência, e espero que ela seja útil para vocês.

Acompanhem-me na elaboração de um…

Plano de Contingência Blogueira

Hoje, vamos estabelecer alguns dos desastres que podem atacar um blog:

1 – Perda de Dados

Isto pode ocorrer de várias formas; desde um vírus no seu PC (onde você talvez tenha vários posts em processo e outros projetos guardados) até a completa desaparição de seu blog.

Esta última possibilidade deve preocupar principalmente quem usa o Blogger ou Blogspot, onde é relativamente comum que blogs inteiros sejam deletados sem aviso prévio, e sem chance de recuperação.

Outros dados importantes: sua lista de Feeds (especialmente se você as utiliza como fonte de informação para o blog, ou se é uma lista grande, difícil de recuperar), listas de emails de assinantes e leitores, listas de contatos, bases de dados, etc.

2 – Problemas com a Conexão à Internet

Este foi, entre outros, meu maior problema. Se eu houvesse me informado com mais cuidado, poderia ter coordenado melhor a troca de serviços de Internet; e não teria ficado mais do que uns três dias off-line.

Outro erro de parecer foi que eu poderia usar os serviços dos cyber-cafés: a realidade mostrou que me é impossível trabalhar nesse ambiente. Uma amiga me ofereceu a possibilidade de ir trabalhar em sua casa, que também conta com conexão dedicada. O que me impediu de aproveitar sua generosa oferta foi o seguinte:

3 – Questões Pessoais

Estou passando por uma época extremamente problemática, devido a questões familiares. Isso não só se traduz em menos tempo para dedicar aos blogs, como em dificuldades de origem mais subjetivo: stress alto, falta de ânimo e motivação, maior dificuldade de concentração, menor rendimento mental.

Infelizmente, esta é uma situação pela qual todas as pessoas passam, ao menos alguma vez na vida. Uma crise prolongada no mundo pessoal pode significar o malogro de seus esforços virtuais.

4 – Ausência do Escritor

Além dos problemas pessoais, muitas outras questões podem causar um “Apertem os cintos, o blogueiro sumiu!”. Doenças, hospitalização, viagens, exames da faculdade, casamentos, férias, projetos de trabalho, etc.

Recentemente, Darren Rowse, o responsável pelo Problogger, ausentou-se durante aproximadamente duas semanas, devido ao nascimento de seu filho.

No entanto, como problogger experiente, ele não deixou nada ao acaso, e o blog não ficou às moscas até seu retorno. Mais adiante veremos como ele fez isso, e o que podemos aprender de sua experiência.

5 – Bloqueio Criativo

É mais comum do que o que se pensa: subitamente a mente do escritor fica em branco, e ele se vê incapaz de criar ou escrever uma linha sequer. Esse bloqueio pode durar minutos, horas, meses e até anos.

Claro que este último é um caso grave, que talvez implique em problemas profundos; mas você deveria estar preparado para superar facilmente um bloqueio de algumas semanas ou um mês.

6 – Problemas com o Web Host

Seu serviço de hospedagem Web é confiável? Seus dados estão seguros? Você está preparado para recuperar-se da perda de um servidor? Sabe o que fazer se o serviço estiver fora do ar durante muito tempo, ou até mesmo definitivamente? E se a empresa que presta o serviço fechar?

Essas são perguntas para as quais é fundamental que você saiba as respostas.

Aqui, uma palavra sobre o Weblogger.

Se você considera seu blog com seriedade, não pode usar essa plataforma. Eles estão frequentemente fora do ar por longos períodos de tempo, o que é inadmissível para qualquer serviço sério.

Realmente não compreendo como é possível que ainda existam usuários do Weblogger, com tantas outras opções confiáveis. Eu não hospedaria meu blog lá, nem que meu objetivo fosse apenas escrever abobrinhas.

7 – Problemas Relacionados ao Design e Configuração

Neste ponto estão incluídos o template, os serviços e plugins utilizados em seu site.

Por exemplo: o Mulheres com Legendas, um excelente blog (já há algum tempo desaparecido sem deixar rastro – o que você encontra no endereço é uma página de erro 404), pouco depois de começar, viu seu belo template desaparecer. A solução encontrada pelas responsáveis do site foi utilizar outro.

Porquê? Realmente não faço idéia, já que o template está disponível em várias páginas de templates para Blogger; mas obviamente elas não estavam preparadas para essa eventualidade.

Inclusive o próprio fato de que o blog tenha desaparecido provavelmente se deve ao mesmo motivo: falta de preparação para as crises. Não foi deixada nem sequer uma página com um singelo “Adeus, até nunca.”

Procurei informação na Internet sobre o sumiço das moças, e ninguém sabe o que aconteceu. Esse é um bom exemplo do que NÃO se deve fazer, se você encara seu blog como fonte de renda (o que não era o caso desse blog).

Eu mesma tive um problema do estilo quando estava começando meus blogs. Por uma falha no Blogger, uma modificação do template ficou pela metade. Resultado: só metade do blog aparecia na Internet. Eu tinha um backup do template, mas não estava atualizada.

Como consequência, pude reinstalar o template, mas tive que reconfigurar uma variedade de coisas – desde o livro de visitas até o sistema de comentários. Tive que despender um enorme esforço e tempo, coisa que poderia ter sido evitada.

Até aqui, vimos os principais desastres que um blog pode sofrer. Amanhã veremos como preparar-nos para que as crises não nos encontrem desprevenidos.

Nospheratt, pensando na vida

Nospheratt

Quando eu cheguei (2006 - primeira era jurássica da Efigênia), isso aqui tudo ainda era mato.

Previous

Marketing Viral – Comentário do Criador do Sistema

Next

Faça um Seguro de Vida Para Seu Blog

3 Comments

  1. FernandoJS

    Eu sempre estou aqui de olho…como acompanhei os dois blogs, percebi que era o problema da conexao…e o msn sumiu? :DVocê falou problema de template, mas como já te avisei, o seu não está funcionando no firefox, eu coloquei a solução no forum dos blogueiros.Abst+

  2. Nospheratt

    Gente, que bom saber que vocês ainda estão aí…Cris, estou colocando o trabalho em dia, hoje mesmo vou visitar seus sites e te dar um alô. Fernando, não estou entrando no Msn por enquanto, porque estou atrasadíssima com tudo o que tenho que atualizar e remendar, e as conversas me roubam muito tempo! Logo, logo, quando a coisa voltar ao normal, a gente se encontra por lá. Abraços!

  3. Cris Zimermann

    Olá, Nospheratt!Confesso q estranhei mesmo seu ‘desaparecimento’, mas o link está lá e eu aqui, te visitando novamente. Não vamos ficar sem contato não ;)Tudo q vc relatou neste post é a mais absoluta verdade e muita gente só aprende quando acontece. Ou seja, a prevensão existe, apesar de ser praticada por poucos.Quanto ao Janio, ele é o cara! Um super amigo, um fofo e excelente profissional. Está desde sempre nos meus favoritos :)Menina, bjsss pra vc e apareça quando estiver com tempo 😉

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén|Social Icons by Freepik