Blogando com Alma... Ainda.

Evernote – Top 10 Ferramentas Para Blogar

Minha 2º ferramenta no Top 10 Ferramentas Para Blogar é o Evernote.

Evernote

Como eu disse, o Evernote é minha paixão mais recente. Eu já escrevi 2 posts sobre ele:

Quanto mais eu uso, mais eu gosto. E mais utilidades para ele surgem. Também estou guardando lá:

  • Emails com informação, para consulta posterior

    Podem ser cadastros, dicas, newsletters com informação útil, links ou tutoriais… Coisas que sei que vou precisar em algum momento. É bem melhor guardá-los no Evernote, separados dos emails “normais”.

  • Repositório de cópias

    Com screens, urls, emails, comentários, etc. Uma forma simples de guardar informação sobre os casos de cópia e plágio, incluindo datas (de pedido de retirada, por exemplo), para acompanhamento de cada “processo”.

  • Schedule de posts da semana

    Eu decido na Sexta-feira sobre o quê vou escrever na semana seguinte. Segunda-feira, a 1º coisa que faço é escrever esses posts. Agora, eu mantenho essa lista no Evernote – é facílimo atualizá-la, ver o que ficou pendente de uma semana para a outra, quais assuntos estão sendo repetidos, etc.

  • Pesquisa, bibliografia e referência

    Quando estou escrevendo um post que analisa mais profundamente um assunto, eu faço muita pesquisa. Com o Evernote, eu posso reunir fácil e rapidamente toda essa informação em um só lugar, à medida que vou pesquisando: trechos que quero citar, links, imagens, fontes de referência e informação, perguntas, idéias, e tudo mais que for necessário.

    Quando dou por terminada a pesquisa, basta ordenar a informação coletada e começar a escrever meu post.

  • Achados do Feed

    Muitas vezes, ao ler meus feeds me deparo com textos sensacionais, que eu gostaria de guardar por alguma razão, mesmo que eu não vá blogar sobre isso. Simplesmente utilizo a opção do Google Reader “Enviar por email”, e envio para o meu endereço do Evernote. Voilá – ele guarda o email como nota no meu Evernote.

    Além de enviar por email, agora você pode adicionar a opção “Enviar ao Evernote” no Google Reader – essa opção permite que você coloque tags e decida em qual caderno guardar sua nota, no mesmo momento em que ela é criada.

Esse são só alguns exemplos, além dos que eu dei nos posts anteriores. Realmente, o Evernote facilitou muitíssimo minha vida blogueira; virei fã absoluta.

Pra melhorar ainda mais, eles lançaram recentemente a capacidade de exportar todos os seus cadernos e notas, o que significa que fazer backup de tudo é muito fácil e simples.

Porque o Evernote é Imprescindível

  1. Porque ter 90% da informação que eu preciso para blogar em um só lugar facilita tanto meu trabalho que chega a ser ridículo; e ter toda essa informação organizada e “encontrável” é impagável;
  2. Porque não preciso ficar revirando bookmarks e arquivos espalhados pelo PC para encontrar o que preciso, quando preciso;
  3. Porque não preciso confiar na memória para não esquecer nada: idéias de posts, links, tópicos, projetos, to-do lists, etc.
  4. Porque é facílimo adicionar informação lá “on the fly”, isto é, no momento em que eu a encontro ou “invento”. Não preciso deixar para depois (e esse depois nunca chega, você sabe); basta selecionar o que quero guardar, e usar o clipper ou o menu contextual. Ou copiar e colar, ou enviar por email…

Existem mil maneiras de usar o Evernote, invente a sua. E seja feliz. 🙂

Nospheratt, pensando na vida

Nospheratt

Quando eu cheguei (2006 - primeira era jurássica da Efigênia), isso aqui tudo ainda era mato.

Previous

Poucas e Boas

Next

10 Formas de Dizer Adeus à Mediocridade

8 Comments

  1. Sempre usei o Windows Live Writer e sempre o achei satisfatório, mas depois de tanta insistência quanto aos “bons atributos” do programa, dei o braço a torcer e estou testando.

  2. A dica é maravilhosa, entendo bem essa hora de salvar que nunca vai chegar e na pressa precisamos fechar o Browser.
    Parabéns, excelente post!

  3. Olá, Nosphie!
    Eu estava testando o programinha antes de vir aqui falar algo, e realmente ele é muito bom!
    Ainda estou meio perdido pra usá-lo, porque com mudanças a gente sempre fica um pouco perdido, né?
    Mas realmente, é ótimo: eu já estou copiando textos interessantes que encontro, leio-os, e logo abaixo, em uma nova Nota, já vou escrevendo ideias para posts que vêm surgindo sobre o assunto. Por enquanto esse é meu único uso, mas quero ampliar e colocar todas as minhas consultas diárias por lá, mais tarde.
    Obrigado pela dica, vai me ajudar bastante!
    Um beijo!

  4. Essa de enviar posts do feed direto para o evernote nunca tinha me ocorrido… boa, MUITO boa!

    Lembrando ao Wint que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa completamente diferente: o evernote serve como repositório de idéias, mas não dá pra blogar direto dele como se faz com o Windows Livre Writer. São programas complementares, não excludentes. 😉

  5. Sia

    Ah! isso foi muito util para mim, acho que não tem blog algum que saiba explicar a blogar como este daqui!

    Kissus

  6. Samuel Lins

    o programa parece ótimo, pelo menos a primeira vista, mas vc não poderia indicar um tradutor, se é que existe um???

  7. Atmos Maciel

    Nospheratt.
    Muito bom o texto. Mas me veio uma dúvida.
    Qual o melhor programa para blogar?

    Windows Livre Writer, Zoundry Raven ou Evernote.

    Existe um melhor ou eles se complementam?

    • Eu não gosto do WLW, mas tem muita gente que adora. O Zoundry Raven infelizmente não funciona no meu Windows 7, mas se funcionasse seria minha escolha sem dúvida.

      O Evernote serve para se organizar, guardar informação e até escrever rascunhos, mas não conecta com o blog para publicar – é preciso copiar e colar o texto, em todo caso.

      E não tem nada melhor que o Zoundry (ou o WLW, pra quem gosta). Eu vivo revirando a internet atrás de um editor decente de blogs e simplesmente não existe. =/

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén|Social Icons by Freepik