Blogando com Alma... Ainda.

O Segredo da Produtividade

Tive uma epifânia e quero compartilhar com você.

Vai daí que depois de anos de ler, testar e experimentar todos os métodos e dicas de produtividade que me apareceram pela frente, descobri o segredo da produtividade.

É uma coisa muito simples.

O Segredo da Produtividade

O Segredo

O Segredo da produtividade é… fazer coisas produtivas.

Eu falei que era simples.

E sei que você deve estar olhando a tela assim: 😯 e pensando “Cêjura?!” – mas espere um minuto.

Você fez alguma coisa produtiva hoje? Então pode considerar o dia como produtivo. Não fez? Faça. E terá sido produtivo.

(Em algum outro post falarei sobre a definição de “coisas produtivas”, mas no geral, é algo que vai dar um resultado útil ou satisfatório de algum tipo.)

O Que é Ser Produtivo?

Ser produtivo não é fazer três porrilhões de coisas. Não é atingir todas as suas metas e objetivos e cumprir todas as suas tarefas. Não necessariamente.

Nos venderam a idéia de que só quem faz esses três porrilhões de coisas ao mesmo tempo é produtivo. E nós, por falta de… não sei de que, compramos a idéia.

Ser produtivo é fazer coisas úteis. É fazer uma coisa, e depois fazer outra. Dar um passo de cada vez. E continuar caminhando.

Sendo Realista

Na realidade, é impossível ser produtivo como pretendemos ser. E eu e você estamos aí para provar isso. Por muito que tentemos, nos esforcemos e nos martirizemos, nunca chegamos ao nível de produtividade que pretendemos.

Nem eu, nem você, nem ninguém.

O sistema é que está errado. Nossa pretensão é que está errada.

Sistemas podem nos ajudar muito a ser mais organizados e produtivos, sim. Mas não há sistema que resolva, se não… fizermos coisas.

E não há sistema que funcione se não mantivermos nossas expectativas dentro do que é realista. O dia só tem 24 horas. Precisamos dormir, comer, tomar banho (pelo menos aos Sábados) e até, veja você, ter um pouco de ócio.

Uma Questão Complexa, Uma Solução Simples

A questão é complexa porque tem a ver com expectativas, próprias e alheias; com comportamentos aprendidos, com conceitos incorporados sem examinação consciente, com milhões de conselhos e dicas que lemos por aí, na incessante busca do Santo Graal… com muita coisa.

Mas a solução é simples: faça alguma coisa produtiva. Qualquer coisa. E depois faça outra. E assim “substantivamente”. 😛

E não precisa ser nada grandioso ou gigantesco. Só precisa ser alguma coisa.

Pequenas Coisas

Escreva umas linhas. Corrija um link. Passe aquela anotação do pedaço de papel para um lugar onde você não vai perdê-la. Leia aquele texto. Delete aquele widget.

São pequenas coisas. Que podem ir se acumulando em uma pilha de coisas feitas. Que formam a base para outras coisas produtivas.

Fazer uma pequena coisa é infinitamente mais produtivo do que ficar pensando em como você não consegue ser produtivo. Experimente.

Imagem: Angelo González – CC

Nospheratt, pensando na vida

Nospheratt

Quando eu cheguei (2006 - primeira era jurássica da Efigênia), isso aqui tudo ainda era mato.

Previous

Como Deixar Seu Leitor P&$# Em 3 Passos

Next

Você Usa Gmail? Use Um Avatar

9 Comments

  1. Muito oportuno para mim ler isso hoje!

  2. Ah, você é poetisa… e sabe disso 😀

    Vou deixar este post favoritado para eu ler naqueles dias que a preguiça virar para mim e falar: hoje eu sou sua dona…
    Sou daquelas que acumula, acumula e só no último minuto é que vai fazer o que tem que fazer… e olha que AINDA tem os dias que a preguiça vira pra mim e fala: hoje eu sou sua dona rsrsrs

    Beijos, Nospheratt.

  3. Laura

    A mais absoluta verdade !!
    E a forma mais simples de avançar !

    🙂

  4. Olá! Há muito tempo que eu leio seu blogue, assinei feed, assinei newsletter. Você escreve bem, tem boas ideias e sentido crítico e de humor. (Aprendi até algumas coisas,houvesse tempo e vontade, teria aprendido mais!)Tudo isso você já sabe. Agora, essa expressão “porrilhões de coisas”, juro que vou torná-la famosa aqui para os meus lados. Foi a primeira vez que ouvi, fartei-me de rir, algo que sempre me faz bem. Bom, eu sei que decerto não queria um comentário tão leve a propósito da sua postagem de hoje, mas acontece que tenho porrilhões de coisas em lista de espera, por isso, maior desenvolvimento terá de ficar para a próxima!Saudações desta tuga “seguidora”!

  5. Caríssima Nospheratt, esse post está perfeito! Você foi de uma lucidez total. É isso mesmo: escolher a prioridade e/ou necessidade e cumprí-la sem ficar se culpando pelo resto que não foi – e não poderia mesmo ser – feito. Obrigado! Abraços!

  6. Um comentário à parte (à parte em relação ao post): notei os morcegos e o castelo no título do Blosque. Muito maneiro! E as imagens que você escolhe para cada postagem são maravilhosas, poéticas mesmo. Você tem um toque muito artístico, algo refinado. Delicadeza e força. Abraços!

  7. Danielle

    Gosto muito das coisas que escreve, sempre com um ponto de vista muito interessante… daí tenho uma pergunta inocente, não necessariamente relacionada a esse post… Porque você não coloca a ferramenta de ‘compartilhar’ o post no facebook? Abraço!

  8. Não é que você tem razão! rs
    muitas tentar fazer várias coisas de uma só vez pode acabar ocorrendo o resultado que não esperávamos,como não fazer nada e ficar travado,ou seja enrolado…

    Abraço e não esqueça de colocar o “share” do Facebook já que o curtir sempre dá bug e não aparece na timeline.

  9. Danielle
    November 2, 2011 em 5:58 pm
    Gosto muito das coisas que escreve, sempre com um ponto de vista muito interessante… daí tenho uma pergunta inocente, não necessariamente relacionada a esse post… Porque você não coloca a ferramenta de ‘compartilhar’ o post no facebook? Abraço!

    Carambolas de verão!
    Ótima pergunta.
    Ótima mesmo.

    Forte abraço e muitas felicidades.

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén|Social Icons by Freepik