Desprocrastinando

Fico feliz e triste ao mesmo tempo, ao ver que o blog continuou funcionando na minha ausência. O pior de tudo, no entanto, é a culpa – por não ter participado, respondido, dado a atenção devida a quem passou por aqui.

A raiz do problema é a procrastinação; mal epidêmico entre os blogueiros – pro ou não. O privilégio de não ter um chefe bufando na nossa nuca tem esse péssimo efeito colateral. É fácil demais deixar pra depois, pra amanhã, pra nunca mais. A procrastinação, por sua vez, tem dois ainda mais desagradáveis efeitos colaterais: o stress e a culpa.

Quem nunca pensou “PQP, estou sem postar nada há uma semana, sou uma vergonha de blogueiro”, que peça uma explicação. Sem atirar pedras, please, que meu telhado é de vidro fumê.

Pois pra mim chega disso. Instituí oficialmente a quarta-feira como Anti-Procrastination Day. Ou “Dia de Desprocrastinar Assuntos Atrasados”, como preferir. O que isso significa na prática é: todas as quartas eu vou examinar minha lista de tarefas pendentes, e cumprir com o que estiver atrasado; ou descartar o que for descartável.

Já programei Anti-Procrastination Day reminders no meu Google Calendar; emails com lembretes são a forma mais eficiente (para mim) de não esquecer nada. Aliás, desde que descobri isso e comecei a usar essa ferramenta, minha produtividade aumentou bastante. Até o stress diminuiu; quando sei que algo está programado nos reminders, não me pré-ocupo mentalmente do assunto. No momento certo, o email aparece e eu tomo conta do que for necessário. Essa tranquilidade libera um monte de memória RAM no cérebro, sabia? 🙂

E você, que ferramentas/armas usa na guerra contra a procrastinação?

O Blosque mudou de casa!

Saiba mais aqui: O Fim e um Recomeço

Os comentários estão permanentemente fechados, mas você pode comentar na casa nova ou entrar em contato.

Espero você por lá! 🙂

© Blosque.com. Todos os direitos Reservados.
A cópia e reprodução não-autorizada deste texto está expressamente proibida.
Plágio é CRIME!

Mulher por nascimento e vocação, irônica por diversão e hobby, brasileira inveterada, filósofa nas horas mais impróprias, blogueira de profissão, escritora e poeta pela pura necessidade de expressar seus oceanos interiores.

6 responses to “Desprocrastinando”

  1. Lu

    Se algo funcionasse para mim, seria a ToDo List do meu pda. Ou, quem sabe, o Google Calendar. Fato é que já tentei de tudo e continuo sendo péssima no que diz respeito a gerenciar meu tempo…

  2. Nospheratt

    É, Lu, Time Management é dificilíssimo mesmo. Eu ainda não achei uma fórmula 100% eficiente, mas tenho feito progressos. Qualquer hora escrevo mais sobre isso, vou pesquisar pra ver se acho algumas dicas interessantes.

  3. Aztronauta

    Depois de muito bater cabeça, eu descobri que pra mim o melhor remédio são post-its… Isso mesmo. Os velhos papéis amarelos, mas eu uso a versão eletrônica que tem na página da 3M. O pior é que tem dias que nem dá pra ver meu papel de parede de tanto recado que tem pendurando na tela… Abraços.

  4. Fernando

    Excelente post. Estou adotando o Anti-Procrastination Day. Sinto muita culpa e depressão quando não escrevo regularmente. Minha terapeuta tentou várias coisas comigo, mas nada funcionou… hehehe

    Meu último recusro será o Anti-Procrastination Day.

    []’s

  5. Nospheratt

    Aztronauta: isso funciona pra que não esqueça de nada, ou realmente ajuda na sua produtividade? Como?

    Fernando: se quiser, me manda um email que eu te envio um reminder, todas as quartas, para lembrá-lo do Antiprocrastination Day! 😉

  6. blosque.com | Fatores Importantes Para o Seu Plano de Negócios

    […] eu comentei ontem, o blog continuou recebendo visitas e comentários, durante a minha (vergonhosa) ausência. Quero […]